Nesta quarta-feira, dia 18 de junho, um novo personagem se juntou ao caso MTV versus SKY. Em uma guerra de comunicados entre as empresas envolvidas, hoje, as Organizações Globo também publicaram nos principais jornais do país um informe publicitário sobre o caso.

No informe, as Organizações Globo refutam as informações publicadas pela Revista Veja, da Editora Abril, na edição desta semana. A Globo esclarece que possui uma participação minoritária na SKY, e, portanto, não tem poder de veto sobre novos conteúdos nacionais.

O comunicado acusa ainda o Grupo Abril de promover lobby para a aprovação do Projeto de Lei nº 29/2007 que estabelece, entre outros, a reserva de cotas para a programação nacional em todas as operadoras em território nacional.

Confira abaixo a íntegra do comunicado publicado: