No último domingo, dia 1º de junho, os assinantes da SKY foram surpreendidos pela operadora com a retirada, sem comunicação prévia, do canal MTV Brasil da grade de programação. Apesar de informar que o contrato está encerrado, a SKY continua transmitindo a emissora musical apenas para São Paulo (capital).

Procurada pela Redação vcfaz.net, a MTV Brasil enviou um comunicado de imprensa informando que até o momento não foi comunicada formalmente das razões que motivaram a saída da operadora. Confira a íntegra do comunicado abaixo:

"Até o momento a MTV Brasil não foi informada oficialmente nem pela Sky e nem pela NET Brasil dos motivos que os levaram a essa medida inesperada para nós e principalmente para nossa audiência.

Lamentamos profundamente o ocorrido e continuamos empenhados esperando em breve poder solucionar esta questão. Tão logo sejamos comunicados formalmente pela empresa, voltaremos a nos pronunciar."

Questionada sobre a transmissão (discriminatória) da MTV Brasil apenas para a capital paulista, a SKY se limitou a informar que o canal é aberto nesta cidade e devido a isto estaria ainda no line-up. De acordo com a legislação em vigor no momento, no Brasil, a SKY não é obrigada a carregar as geradoras locais. Sendo assim, a opção de seguir com a transmissão apenas para a capital demonstra que a SKY não tem respeito pelo interesse e igualdade de direitos dos assinantes do restante do país.