O programa "Marília Gabriela Entrevista" deste domingo, dia 30 de novembro, às 22h, traz o cantor Ney Matogrosso para um papo sobre carreira, saúde e fãs. A produção é exibida pelo canal de TV por assinatura GNT.

A apresentadora começa a entrevista perguntando se alguma vez ele já pensou se havia feito a escolha errada em sua carreira e ele afirma que não, pois desde muito novo sabia o que era bom ou não pra ele: “Eu sempre fui muito rebelde com relação às coisas estabelecidas pela sociedade, sempre achei a sociedade hipócrita”. Sobre sua performance, Gabi indaga se Ney tinha consciência da excitação que causava nas pessoas quando aparecia fantasiado e quase nu nos palcos em plena ditadura militar, na época do “Secos e Molhados”.

Sobre os dias atuais, o cantor diz ainda não se sentir adequado à sociedade e acredita que ainda há muito a ser contestado no mundo. Já no universo artístico, ele revela o que o chama a atenção: “Eu gosto de gente louca, de gente ousada, original. Gente que chega e mostra coisas que a gente não viu antes”.

Ney Matogrosso não é apenas cantor. Ele também é iluminador, diretor e figurinista e atribui todos esses dons à sua paixão pela arte: “Quando eu preencho a ficha de um hotel e perguntam profissão, eu não coloco cantor, eu escrevo artista. Eu sou artista e adoro ser artista, então eu não tenho que me limitar a nada”.