O programa "The Oprah Winfrey Show" é exibido de segunda a sexta, às 20h, pelo GNT. Toda semana, Oprah debate assuntos polêmicos e recebe convidados especiais. Os programas são reprisados de segunda a sexta, às 7h30 e às 15h. Confira abaixo os destaques para esta semana.

Segunda-feira

Nate Berkus, decorador da equipe de Oprah, vai dar uma de cupido. Sua missão é ajudar Robin, de 41 anos, a encontrar um namorado. Dos 16 aos 26 anos, ela não ficou um dia sem namorar. Mas atualmente, a americana passa as noites sozinha com seus três gatos de estimação. Nate pede ajuda a uma casamenteira profissional, Patti Stanger, apresentadora do programa “Millionaire Matchmaker”, responsável por formar centenas de casais. Patti explica a Robin que, para encontrar o homem certo, precisa reavaliar suas exigências. Nate e Patti acompanham Robin num encontro marcado com um pretendente.

Terça-feira

Oprah mostra que falar e escrever textos no celular ao volante de um carro pode ser fatal. Uma pesquisa revela que 71 % das pessoas com idades entre 18 e 49 anos admitem já terem feito isso anteriormente.Nos Estados Unidos, cerca de 500 mil pessoas são feridas e seis mil são mortas a cada ano por causa de motoristas que estão conversando, escrevendo texto e enviando e-mails pelo celular enquanto dirigem.

Quarta-feira

Susan Boyle, a cantora que foi descoberta no programa de talentos “Britain’s Got Talent” no ano passado, se apresentou como uma profissional. Seu primeiro álbum já vendeu mais de oito milhões de cópias. Susan canta “Who I Was Born to Be” uma das canções do CD, e depois conversa com Oprah. Ela conta como sua vida mudou após se tornar uma sensação no mundo todo. Susan também revela o que a fez ser levada para o hospital em junho do ano passado. A cantora ficou três dias internada para se recuperar de exaustão.

Quinta-feira

Oprah entrevista um artista haitiano famoso nos Estados Unidos que quer ajudar seu país destruído pelo terremoto. O músico Wyclef Jean é um dos rostos mais conhecidos no Haiti. Ele nasceu na periferia de Porto Príncipe e quando tinha nove anos foi morar nos Estados Unidos com sua família. Apesar de ter conseguido se realizar profissionalmente com sua música, a paixão e determinação de Wyclef permaneceram com suas raízes. Em 2005, ele criou uma fundação para caridade para angariar fundos para estabelecer programas de educação, saúde e meio ambiente no Haiti. Depois do terremoto, Wyclef voltou ao seu país de origem com sua mulher e um primo. Ele fala sobre os horrores que testemunhou na capital do Haiti e mostra um vídeo com imagens inéditas da tragédia. Wyclef também se defende contra as acusações de que lucrava com sua fundação, Yele Haiti, surgidas depois do terremoto. E volta a pedir que todos contribuam para ajudar a reconstruir o Haiti.

Sexta-feira

Sarah Palin tem vivido sua vida na frente dos olhos do público. Ela já foi governadora do Alaska, candidata à vice-presidência da república dos Estados Unidos e escritora de best sellers. Agora, Sarah está dando um novo passo em sua vida e vai deixar de ser aquela pessoa que rende notícia para se transformar em uma comentarista de noticiário. Seu novo papel será como analista do canal de TV Fox News. Sarah Palin é a entrevistada de Oprah nesse programa. A conversa é feita via satélite, com Sarah falando diretamente da cozinha de sua casa no Alaska. A ex-governadora fala sobre a nova mudança em sua carreira e diz que está apenas colocando para funcionar “aquele diploma da faculdade de jornalismo”. Oprah também conversa com Bristol Palin, filha adolescente de Sarah, que virou manchete de jornal durante a campanha presidencial da mãe, depois que sua gravidez veio a público. Agora, aos 19 anos, Bristol é a mãe orgulhosa de Tripp, de um ano.