A TNT propôs um desafio para 10 diretores da América Latina: realizar um curta-metragem de no máximo 20 minutos e que representasse o tema “fronteiras” no âmbito cinematográfico para cada um deles. O resultado dessa experiência é a mais nova e ambiciosa produção original da TNT, "Fronteiras", ciclo de nove programas que estreia no dia 6 de dezembro e vai ao ar sempre nas madrugadas das terças e quintas-feiras ao longo de todo o mês.

"Fronteiras" tem como anfitrião de peso o diretor argentino Juan José Campanella, vencedor do Oscar® de Melhor Filme Estrangeiro pelo sucesso “O Segredo de Seus Olhos”. Ele também está por trás da nova atração por meio de sua produtora, a 100 Bares, e escolheu a dedo os cineastas participantes, dentre os mais representativos do continente. Na lista de realizadores do programa estão os brasileiros Jorge Furtado (de êxitos do cinema nacional como “Saneamento Básico – O Filme” e “O Homem que Copiava”) e Flávia Moraes (“Acquaria”).

Completam a escalação os diretores mexicanos Jorge Michel Grau, Ruben Albarrán e Angel Flores Torres; os argentinos Gastón Duprat, Mariano Cohn e Ariel Guntern; além do colombiano Simon Brand e da peruana Claudia Llosa. Todos os curtas serão compilados como um epílogo no último episódio, programado para exibição na quinta-feira, dia 29 de dezembro.

Dividido em três partes, cada programa começa com o curta realizado pelos diretores. A liberdade foi total (a não ser pelo tema, “fronteiras”) e não houve limitação de gênero, resultando em obras que vão desde o fantástico até ficção científica, passando pelo drama, suspense e comédia. Em seguida, é exibido um making of da produção e por fim, os cineastas concedem uma entrevista em que, além de revelar a maneira como trabalharam, têm a oportunidade de apresentar ao público o restante de sua obra.

Para o diretor sênior de programação da TNT, Pablo Corona, a idéia não é só a de apresentar um ciclo de curtas-metragens, e sim de revelar fielmente à audiência todo o processo que implica na realização de uma peça cinematográfica, incluindo as dificuldades, diferenças e similaridades entre os diretores e equipes técnicas envolvidas. “Uma das maiores riquezas do programa será a diversidade dos pontos de vista, a representação de culturas distintas e o diálogo entre as concepções formadas por cada indivíduo sobre as fronteiras”, explica ele.

Veja a programação completa:

Dia 6 de dezembro
0h10* – Episódio 1: LA SOMBRILLA (Simón Brand; Colômbia)

Dia 8 de dezembro
0h40* – Episódio 2: LOXORO (Claudia Llosa; Perú)

Dia 13 de dezembro
0h35* – Episódio 3: LA ÚLTIMA FRONTERA (Gastón Duprat e Mariano Cohn; Argentina)

Dia 15 de dezembro
0h30* – Episódio 4: ATÉ A VISTA (Jorge Furtado; Brasil)

Dia 20 de dezembro
0h35* – Episódio 5: 72 (Jorge Michel Grau; México)

Dia 22 de dezembro
0h50* – Episódio 6: TORO O NADA (Ariel Guntern; Argentina)

Dia 27 de dezembro
0h35* – Episódio 7: ENTRE LO PROFANO Y LO DIVINO (Ruben Albarrán e Angel Flores Torres; México)

Dia 29 de dezembro
0h10* – Episódio 8: A TEU LADO, LEVE (Flávia Moraes; Brasil)
0h40* – Episódio 9: ESPECIAL EPÍLOGO

*Horário de Brasília. Programação sujeita a alterações sem aviso prévio