O projetista de iluminação carioca Rafael Oliveira, de 35 anos, o Rafa, foi eliminado nesta terça-feira do programa "Big Brother Brasil". O participante fazia parte do grupo denominado "selva", foi considerado o "vilão" desta edição por organizar a combinação de votos, ser grosso e criar confusão com a maioria dos participantes, além de protagonizar um romance polêmico.

Desde o inicio, Rafa ficou no quarto Floresta e se aproximou de Yuri, Ronaldo, Monique e Renata. No inicio do confinamento, Monique acenou a possibilidade de "ficar" com o carioca, mas ele não quis "porque tinha uma pessoa do lado de fora". No decorrer do programa teve brigas com Laisa, João Carvalho, Fael e Jonas. Depois de quarenta dias de confinamento, Rafa se envolveu com Renata; causando a revolta de todos os outros participantes. O casal passou a dormir junto, protagonizando cenas quentes sob o edredom. Rafa foi indicado pela líder Fabiana na votação do último domingo (26) e enfrentou o participante, Yuri; sendo eliminado com rejeição recorde de 92% dos mais de 28 milhões de votos.

Com o resultado da votação de hoje, Rafa entra para o ranking dos mais rejeitados das doze edições do programa, perdendo somente para Aline (BBB5) que recebeu 95% dos votos, maior percentual de eliminação já recebido por um participante de "Big Brother" no mundo e Felipe Cobra (BBB7), com 93%. A eliminação de Rafa, empata com um dos maiores vilões de todas as edições do BBB, Rogério Padovan (BBB5).