Uma das poucas cantoras italianas que conquistaram tamanha atenção da mídia internacional, Laura Pausini é sucesso há quase duas décadas. Cantando em italiano, espanhol, português, francês e inglês, ela é reconhecida no Brasil, Argentina, México, Portugal, França, Espanha e Estados Unidos. Seus sucesso antigos e os novos, do recém-lançado álbum de estúdio Inédito, podem ser vistos no especial do Eurochannel, que estreia no dia 27 de maio, domingo, às 20h, parte do Mês Italiano S. Pellegrino.

O novo disco, platina duplo na Itália, marcou a volta de Pausini após dois anos de férias e abriu caminho para a turnê que ela começou no fim de 2011, que passou pelo Brasil em janeiro. Entre os novos singles, Benvenuto (assista abaixo), que estreou no primeiro lugar da parada italiana, Non ho mais smesso e Bastava.

A estreia de Laura no mundo da música foi como a de outros grandes artistas de seu país, no Festival de Sanremo, no qual se classificou em primeiro lugar em 1993. Após a vitória, ela, que anteriormente cantava com o pai em um piano bar, lançou o primeiro álbum, intitulado Laura Pausini, cujo hit era Strani Amori.

O seu segundo trabalho, Laura, deu um novo rumo para a cantora, já que começou a surpreender e encantar seu público interpretando em espanhol. Outro álbum muito vendido, Le Chose Che Vivi, de 1996, incluía uma canção escrita para a UNICEF. Na mesma época, a cantora mostrou seu talento e amor pela música ao participar de um dueto com o tenor Luciano Pavarotti em Pavarotti & Friends. Depois, ela mostrou sua fé cantando no concerto de Natal no Vaticano, onde se apresentou para o Papa João Paulo II. Outros de seus grandes parceiros musicais foram Alejandro Sanz, Charles Aznavour e James Blunt.

Mais tarde, lançou outros sucessos em espanhol, como Mi respuesta e Entre tú y mil mares. Em inglês, umas de suas primeiras canções foi uma versão remix de La Solitude, que recebeu o nome de The Loneliness. Seu primeiro álbum em inglês, From the Inside (2002), que incluía a canção Surrender, liderou as paradas ao lado de Justin Timberlake, Madonna e Whitney Houston.

Laura tem dez álbuns de estúdio em italiano, nove em espanhol e um de grandes hits e é a primeira artista feminina a ganhar um prêmio Grammy na categoria melhor álbum de pop latino, por Escucha. Ao Eurochannel a artista contou que seu relacionamento com o povo latino-americano é verdadeiramente especial – “são países maravilhosos que sempre me fazem me sentir em casa, me sentir amada”.