No aniversário do Viva, o canal preparou uma programação especial no mês de maio. Dentre elas estão a reestreia das minisséries "Anos Rebeldes" e "Anos Dourados".

A trama de "Anos Dourados", que foi exibida na TV Globo em 1986, retrata o romantismo e a hipocrisia moral da década de 1950. Produção dos anos 80, com grande sucesso na época, foi escrita por Gilberto Braga e protagonizada por Felipe Camargo e Malu Mader. Em 20 capítulos, a história é ambientada nos anos 50 e acompanha a luta dos protagonistas para ficar junto, já que um deles sofre por ser filho de pais separados. Na Tijuca, bairro da classe média carioca de tradição conservadora, Lurdinha (Malu Mader) e Marcos (Felipe Camargo), dois jovens que se apaixonaram à primeira vista. Ela era uma normalista, estudante do Instituto de Educação, uma moça tímida, submissa e muito doce. Ele, aluno do tradicional Colégio Militar, um rapaz íntegro e puro. Tudo parecia perfeito para os dois jovens, mas a família de Lurdinha proibiu o namoro dela com rapaz por ele ser filho de pais separados. Os pais da moça, Dr. Carneiro (Cláudio Corrêa e Castro) e Dona Celeste (Yara Amaral), tentaram de todas as maneiras afastarem a filha do rapaz. A produção chega ao canal no dia 29 de abril, de segunda a sexta, às 23h10, e às 5h15.


Felipe Camargo e Malu Mader são os protagonistas de "Anos Dourados", agora no Viva
Divulgação/Rede Globo

Outra novidade é a volta de "Anos Rebeldes", de 1992. No auge do regime militar surge uma história de amor. Maria Lúcia (Malu Mader), uma jovem avessa à militância política, conhece João Alfredo (Cássio Gabus Mendes), atuante do movimento estudantil, e eles logo se apaixonam. Mas essa diferença de ideologias abala o relacionamento, abrindo espaço para que Edgar (Marcelo Serrado), melhor amigo de João, tente conquistar Maria Lúcia. Em meio a um dos períodos mais importantes da história do Brasil, entre 1964 e 1979, os três estudantes do tradicional colégio Pedro II, no Rio de Janeiro, descobrem o amor, a perda e o amadurecimento em um país em mudança. A minissérie aborda ainda o conflito entre individualismo e consciência de classe. A produção chega ao canal no dia 27 de maio, de segunda a sexta, às 23h10, e às 5h15.

Saiba mais:
Maio: Viva traz episódios inéditos de "Sai de Baixo" produzidos pelo canal
Abril: Viva reexibe "Maysa – Quando fala o coração"