viva O canal Viva abriu votação para escolher a novela que substituirá "Rainha da Sucata" na faixa da meia-noite.. De 27 de julho até 4 de agosto, o assinante pode votar nas seguintes tramas "O Dono do Mundo", "A Indomada", "Água Viva" e "Fera Ferida" no site oficial do canal.

A opção mais antiga é "Água Viva", novela de Gilberto Braga, escrita por ele e Manoel Carlos, dirigida por Roberto Talma e Paulo Ubiratan, exibida em 1980, com uma reprise na faixa "Vale a pena Ver de Novo" em 1984. Na trama Miguel Fragonard (Raul Cortez), casado com Lucy (Tetê Medina) e pai de Sandra (Glória Pires), é um cirurgião plástico de sucesso que condena o estilo de vida do irmão, Nélson (Reginaldo Faria), um bon vivant que nunca trabalhou e vive de renda. Após perder a mulher na explosão de uma lancha, o médico se apaixona por Lígia (Betty Faria), sem saber de sua relação com Nélson.

"O Dono do Mundo" é uma novela de Gilberto Braga, direção geral de Denis Carvalho, exibida em 1991. Na trama Felipe Barreto (Antonio Fagundes) é um cirurgião plástico bem-sucedido, casado com Stella (Gloria Pires). No dia do casamento de seu funcionário Walter (Tadeu Aguiar), ele aposta com um amigo que levará para a cama a noiva virgem, Márcia (Malu Mader), antes do marido. Também no elenco: Gloria Pires, Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg. É a única opção que ainda não foi reprisada.


Eva Wilma é vilã em "A Indomada"
Divulgação/Rede Globo

"A Indomada", novela de Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares, direção geral de Marcos Paulo, exibida em 1997, reprisada no “Vale a pena Ver de Novo” entre 1999 e 2000. Na fictícia Greenville, cidade do litoral do Nordeste ocupada pelos ingleses no século XIX, os costumes britânicos e nordestinos se misturam. A cidade foi muito rica no passado graças à produção da Usina Monguaba, mas a crise do açúcar e uma explosão na usina adiantaram seu declínio. Greenville entrou em decadência, mas não perdeu a pose. No elenco, Leandra Leal, Adriana Esteves, Eva Wilma, Selton Mello, Renata Sorrah e José Mayer.

E ainda tem "Fera Ferida", novela de Aguinaldo Silva, Ricardo Linhares e Ana Maria Moretzsohn, direção geral de Denis Carvalho e Marcos Paulo, exibida entre 1993 e 1994, reprisada no “Vale a pena Ver de Novo” entre 1997 e 1998. O prefeito da fictícia Tubiacanga, Feliciano Mota da Costa (Tarcísio Meira), acredita que a cidade esconda preciosas minas de ouro. Mas o povo descobre que a pepita não era de ouro. Enfurecida, a população se volta contra ele. Em meio a uma revolta popular, o prefeito se vê obrigado a fugir com a mulher, Laurinda (Lucinha Lins), e o filho, Feliciano Júnior (Diogo Bandeira), de canoa. Perseguidos, ele e a mulher são atingidos por um pistoleiro e morrem afogados. Feliciano Júnior enterra os pais e jura se vingar.

A votação já está aberta no site do canal Viva. Vote clicando aqui