sesctv O canal de televisão por assinatura SescTV estreia na próxima segunda-feira, dia 16 de setembro, a partir das 20h, o documentário Teatro do Eu Profundo, sobre a produção e a história do teatro da Argentina e do Uruguai, com roteiro de Sebastião Milaré e direção de Amilcar M. Claro.

[creditos:91e062cd33]
Divulgação / SescTV [/creditos:91e062cd33]

Gravado durante a edição 2010 do Mirada – Festival Ibero-americano de Artes Cênicas da cidade de Santos, com realização do Sesc São Paulo, o Teatro do Eu Profundo reflete sobre a violência como tema frequente na dramaturgia latino-americana contemporânea, reflexo das crises de países como Uruguai e Argentina. A produção também destaca as histórias dos teatros destas nações, que receberam influências da situação social, política e econômica de cada uma.

Pontuado por depoimentos dos diretores e dramaturgos Gabriel Calderón (Uruguai) e Daniel Veronese (Argentina); dos críticos Carlos Pacheco (Argentina); Roger Mirza (Uruguai) e Beatriz J. Risk (Colômbia); o documentário mostra trechos de espetáculos como Mi Muñequita, com a Cia. Complot (Uruguai); Espia a uma Mujer que se Mata, dirigida por Daniel Veronese (Argentina); e Lote 77, dirigido por Marcelo Minnino (Argentina).

A produção Teatro do Eu Profundo integra a série Mirada – Reflexões em Torno do Teatro Ibero-Americano, que exibe documentários gravados durante a edição 2010 e 2012 do festival Mirada, com o objetivo de pesquisar as produções teatrais que estão sendo realizadas na América Latina e em países europeus, como Espanha e Portugal. Além disso, também estuda a influência da realidade social, cultural, política, econômica e histórica das companhias em seus trabalhos.