A produção original do Lifetime, Roubos Hollywoodianos, conta a história do grupo de adolescentes de classe média alta de Los Angeles que ficou famoso por invadir as casas de várias celebridades para levar seus pertences – entre dinheiro, joias, relógios, roupas de grife, sapatos e lingeries – e saber como viviam os “muito ricos”. A série estreia na terça-feira, dia 4 de novembro, às 21h30.

Como era de se esperar, porém, o final dessa história não foi positivo para os garotos. Obcecados por celebridades e suas roupas, os cinco amigos de colégio simplesmente tomavam a decisão roubá-las. Usando o Google para encontrar seus endereços, e sites de fofocas como o TMZ (além do Twitter dos famosos) para saber quando eles estariam fora da cidade participando de festas ou eventos, eles iam até as mansões de seus “ídolos”, davam um jeito de entrar – por mais incrível que isso possa parecer – e então percorriam os locais como se estivessem em um shopping-center.

Os jovens voltavam para suas casas com roupas, bolsas, joias, dinheiro e até drogas roubadas. Paris Hilton foi a primeira vítima, pois eles a consideravam uma celebridade “estúpida” e que provavelmente devia deixar a porta destrancada. No caso dela, encontraram a chave da porta debaixo do capacho. Outros (Lindsay Lohan, Brian Austin Green, Orlando Bloom e celebridades vindas de reality-shows) simplesmente deixavam portas ou janelas destravadas, por incrível que pareça.