Em maio, o canal MAX estreia o polêmico filme Azul é a Cor Mais Quente. A produção francesa ganhou grande visibilidade na mídia, não só por sua temática (homossexualidade feminina), mas também por ter sido rejeitado por duplicadores nacionais de Blu-ray, o que inviabilizou seu lançamento no formato, para o mercado brasileiro.

No filme, Adèle (Adèle Exarchopoulos) é uma garota de 15 anos que descobre, na cor azul dos cabelos de Emma (Léa Seydoux), sua primeira paixão por outra mulher. Sem poder revelar a ninguém seus desejos, ela se entrega por completo a este amor secreto, enquanto trava uma guerra com sua família e com a moral vigente. Azul é a Cor Mais Quente estreia dia 24 de abril, às 21h no Max.

Outro destaque do mês é o drama mexicano "A Jaula de Ouro" (dia 17 de abril, às 22h). Dois garotos da periferia de uma cidade na Guatemala viajam para os Estados Unidos procurando oportunidades de vida. No caminho, conhecem um indígena mexicano que não fala espanhol. Eles viajam juntos pegando carona.

Outras estreias do mês estão o longa francês dirigido por Claire Denis "Bastardos" (dia 03 de abril, às 22h); o suspense "Borgman" (dia 10 de abril, às 22h), a comédia musical "Visage" (dia 31 de abril, às 21h); o drama alemão e sérvio "Mamarosh" (dia 02 de abril, às 22h) e a comédia de Hong Kong "The Midnight After" (dia 09 de abril, às 22h). Além do documentário "Altman, um Cineasta Americano" (dia 12 de abril, às 23h), que apresenta a vida e o trabalho do cineasta Robert Altman.

Saiba mais:
Abril: "300: A Ascensão do Império" é o grande destaque da HBO