Nesta segunda (23), a Netflix estreia a série "Luis Miguel" na América Latina e Espanha. A produção apresenta a única história autorizada da vida do artista e superestrela global Luis Miguel, interpretado por Diego Boneta. Também conhecido como El Sol de México (O Sol do México), Luis Miguel teve uma vida pública, mas pouco se sabe sobre o homem por trás da estrela.

Situada no México, a série Luis Miguel explora a infância do artista nos anos 80, que o levou ao seu sólido sucesso como cantor no início dos anos 90. Antes de se tornar conhecido pelo mundo como "Luis Miguel", Micky (Izan Llunas e Luis de la Rosa), como é chamado pela família, encontra grande conforto e segurança com sua carinhosa mãe Mariana (Anna Favella) e irmão caçula Alex (JuanPa Zurita).

Exibindo um talento natural como cantor, ganhando aclamação e popularidade aos 11 anos de idade, seu pai Luis Rey (Oscar Jaenada) acelera uma campanha obsessiva para tornar seu filho mais velho em uma superestrela, desistindo de seus próprios sonhos fracassados. Enquanto Micky cresce como o popstar da era, conhecido como Luis Miguel, sua fama começa a desafiar o equilíbrio da sua vida pessoal com seus primeiros grande amores Mariana (Paulina Dávila) e depois Erica (Camila Sodi).

Enquanto o mundo deseja sua cuidadosa e estimulada imagem de masculinidade bronzeada e um resplandecente sorriso branco, sinônimo do estilo de vida de Acapulco que marcou seu início de carreira, o que está por baixo é uma potente história de como a fama e fortuna pode mudar uma família. Contada com um estilo tão atrevido quanto sua dramática, emocional, sensual, controversa e romântica arte musical, a série Luis Miguel adiciona ousadia em seu escopo para iluminar os detalhes do homem que ainda é "El Sol de México".

"Luis Miguel" estreia dia 23 de abril na Netflix, com um novo episódio por semana aos domingos.