Eles estavam com peso acima dos 250 quilos, eram prisioneiros do próprio corpo e enfrentavam sérios desafios físicos e psicológicos diante de tarefas corriqueiras – levantar da cama, tomar banho e caminhar entre os cômodos da própria casa requeriam esforços imensos para os participantes de "Quilos Mortais".

Nesta quarta-feira (25), a série chega à sexta temporada e registra de perto a batalha de homens e mulheres na esperança de verem a si mesmos livres da obesidade mórbida e de todos os inconvenientes e complicações sérias na saúde que vieram junto com ela.

Os 14 episódios na nova safra acompanham os participantes em um momento crítico de suas vidas. Eles encontraram a motivação para a mudança e irão se candidatar a cirurgias bariátricas, dispostos a seguir em frente com a reeducação alimentar que faz parte do projeto drástico para emagrecimento.

A cada semana, as câmeras de "Quilos Mortais" vão a um lar, onde captam as circunstâncias dramáticas em os participantes se encontram e, ao longo de um ano, vão segui-los em todas as etapas do tratamento: das visitas iniciais ao médico, passando pelo centro cirúrgico, pós-operatório e toda a adaptação necessária para que recobrem o controle sobre seus corpos.

Em entrevistas exclusivas para a série, os protagonistas contam suas sensações, medos e dúvidas. Narram as dificuldades que trouxeram a necessidade de mudança, a apreensão que precede a cirurgia e, ao reverem as fotos antigas, revisitam o próprio passado e relembram o momento em que a comida passou a ser sinônimo de conforto e proteção, até que essa relação com o alimento tornou-se uma doença grave. Para essas pessoas, o consultório do Dr. Nowzaradan significa a chance de uma intervenção drástica e representa o recomeço – ali aparecem histórias individuais de extrema dor física e emocional, mas também de esperança e vontade de vencer.

A 6ª temporada de "Quilos Mortais" estreia dia 25 de abril, às 21h30 no canal Discovery.