O AMC Networks International anunciou hoje resultados de público que refletem aumentos significativos de audiência ano após ano em seu portfólio de canais no primeiro trimestre de 2018. De acordo com dados da Kantar IBOPE Media, o portfólio de marcas da AMCNI – América Latina aumentou o seu público pan-regional em 7% no total diário entre os adultos com idades entre os 18 e os 49 anos, em contraste com a queda de 8% no mercado de TV por assinatura em toda a região. Todos os canais da empresa mostraram aumentos interanuais nos principais mercados no primeiro trimestre do ano.

"Em um contexto de contração do mercado de TV paga, essa conquista é particularmente significativa porque mostra a preferência do público por nossa oferta de conteúdo exclusivo e inovador", disse o presidente da AMCNI – SouthernEurope & LatinAmerica, Eduardo Zulueta.

AMC alcança os melhores níveis de audiência de sua história

No primeiro trimestre de 2018, quando comparado ao mesmo período do ano anterior, o AMC aumentou sua audiência pan-regional em 19% no total diário, com aumentos significativos em mercados chave como o Brasil (+ 164%), América Central (+ 35% ), Peru (+ 38%), Colômbia (+ 20%) e México (+ 7%), apesar da contração do mercado de TV por assinatura nesses mercados. No Brasil, o AMC encerrou o trimestre como o canal de filmes e séries com maior crescimento do país entre o público-alvo, formado por adultos de 18 a 49 anos. O aumento da popularidade do canal neste período foi impulsionado pela incorporação do canal ao grupo NET e Claro, principal provedor de serviços de TV por assinatura no país.