O esporte será a grande estrela da programação da Record, a partir de quarta (24). Todas as plataformas do grupo estarão focadas na cobertura dos preparativos e na transmissão dos Jogos Pan-Americanos de Lima, que já ocorrem antes mesmo da cerimônia de abertura, realizada no dia 26. Uma grande operação multiplataforma foi criada para a exibição de 61 modalidades esportivas que reunirão na capital do Peru quase 7 mil atletas de 41 delegações durante os 19 dias de competição.

Até o final do evento, em 11 de agosto, a transmissão investe nas telas da televisão e também na força das plataformas digitais, consolidando o conceito transmídia da emissora. Detentora com exclusividade dos direitos em TV aberta, o grupo Record irá exibir o evento nas telas da Record TV, da Record News e no Play Plus, somando mais de 1.000 horas de programação dedicadas às competições. O portal R7.com participará com uma ampla cobertura jornalística de Lima-2019. Há ainda estratégias de engajamento do telespectador por meio de redes sociais.

Um trabalho embasado pela longa tradição do grupo nas transmissões do Pan-Americano. A primeira experiência foi com o Rio-2007. E a partir dos Jogos de Guadalajara, em 2011, a emissora tornou-se a única emissora da TV aberta a levar ao ar com exclusividade o evento.  Depois, foi pioneira ao exibir na TV aberta os Jogos de Inverno em 2010, experiência repetida em 2014.  O ciclo olímpico inclui ainda as transmissões exclusivas de 2012, em Londres, e o histórico Jogos Olímpicos do Rio.

Na tela da emissora, serão exibidas aproximadamente 50 horas de programação esportiva. As principais competições serão transmitidas em dois períodos, à tarde e à noite. Por volta da meia-noite, Cláudia Reis e Janice de Castro, irão se revezar na apresentação de um boletim com os fatos mais importantes do dia

Um total de 350 profissionais está envolvido na operação. Deste total, 50 trabalharão em Lima. Dentre eles, a apresentadora do Jornal da Record e do Fala Brasil, Adriana Araújo e Carla Cecato, respectivamente; os repórteres Cleisla Garcia, Bruno Piccinato, Jean Brandão, Mauro Júnior e Rodrigo Vianna; e os narradores Lucas Pereira e Marcos Leandro; além das comentaristas especialmente contratadas para o evento, Fabíola Molina (natação), Luisa Parente (ginástica) e Virna Dias (vôlei).

No Brasil, o apresentador do Balanço Geral SP, Reinaldo Gottino, se junta a Marcelo Gomes e Octávio Muniz no time de narradores.  Marcelo Romano e Mayra Siqueira também comentam os Jogos na sede da emissora, na Barra Funda, em São Paulo.

Na Record News, os narradores são Cadu Cortez, Maurício Bonato, Rafael Spinelli e Fernando Camargo. O canal transmitirá os Jogos diariamente por pelo menos 10 horas. Além disso, exibirá três vezes por dia “O Melhor do Pan”, um telejornal criado especialmente para o evento, com duração de no mínimo 15 minutos.

Com cobertura ampliada, o R7 e o PlayPlus terão 8 sinais ao vivo, transmitindo mais de 900h de conteúdo no digital. Um estúdio abriga as 8 cabines offtube para acomodar os narradores e comentaristas contratados exclusivamente para realizar a transmissão digital no site e PlayPlus. Dentre eles estão destaques na cobertura esportiva: Carlos Lima, Estevan Ciccone, Vinicius Rodrigues, Guilherme Maia, Ricardo Bulgarelli, Plínio Rocha e Silvio Lancellotti.

No portal R7, um hotsite abriga as editorias segmentadas por esporte com matérias assinadas por colunistas comentando as competições, além de matérias especiais com impressões sobre a cidade de Lima, no Peru, sobre a gastronomia, a cultura e a repercussão dos jogos pela cidade.

PlayPlus e o R7 começam as transmissões a partir do dia 24 de julho com o Vôlei de Praia. O encerramento do evento é no dia 11 de agosto.