A terceira temporada de “Sob Pressão” chega ao fim nesta quinta-feira (25) na Globo. No episódio, Carolina (Marjorie Estiano) precisará lutar pela vida de Evandro (Julio Andrade). Decidida a ingressar no grupo de ajuda humanitária Médicos Sem Fronteira, a cirurgiã vê seus planos serem adiados mais uma vez, quando o ex-marido sofre um acidente de carro ao lado de Diana (Flavia Cavalcanti).

 No seu último dia no comando da emergência, Carolina vai se despedindo aos poucos dos parceiros de trabalho do São Tomé, inclusive de Evandro, com quem opera uma mulher vítima de arma de fogo após uma discussão de trânsito. A confraternização para o doloroso adeus à medica acontece no fim do dia, mas Evandro não comparece.

 Visivelmente abalado com o fim de seu casamento, o cirurgião não suporta a ideia de ver Carolina longe do São Tomé. Com a desculpa de que precisa ir à reunião dos Narcóticos Anônimos, ele é o único que não participa da despedida da médica. Mas em vez de seguir o tratamento que o manteve sóbrio por um bom tempo, ele faz uso abusivo de comprimidos misturados a bebida alcóolica.

 Em estado crítico, ele é encontrado por Diana (Flavia Cavalcanti) no quarto de hotel onde está hospedado. O desespero toma conta da mulher, que decide levá-lo ao hospital. Enquanto dirige, ela liga para Carolina, que está a caminho do aeroporto, mas Diana perde a direção do carro e bate.

Os dois são socorridos e o estado de Evandro é grave. Carolina chega ao local do acidente, onde inicia o atendimento ao ex-marido. Ela segue com ele para o São Tomé, onde realiza uma cirurgia de emergência. Ao lado de Charles (Pablo Sanábio), Gustavo (Marcelo Batista) e Keiko (Julia Shimura), Carolina faz de tudo para salvar a vida de Evandro, que entre a vida e a morte, corre ainda o risco de sofrer um dano cerebral irreversível.

“Sob Pressão” foi renovada para quarta temporada, que tem estreia prevista para 2021 na Globo. O último episódio da temporada vai ao ar no dia 25 de julho, às 22h20.