Fernanda Lima tem um encontro marcado com Monja Coen e faz uma viagem em busca do autodescobrimento em “Caminho Zen”, nova série do GNT. A produção se propõe à uma apreciação da existência redescobrindo o valor do agora.

Em julho passado, três meses antes de dar à luz Maria Manoela, a apresentadora Fernanda Lima conciliava a gravidez aos 42 anos com uma série de questionamentos sobre a vida. Entre eles, as dores da vida moderna e nossa relação com o tempo, o agora, desapegos e afetos. Para meditar sobre essas e outras questões, embarcou numa expedição de autodescobrimento com a missionária budista Monja Coen pelo Japão, passando por cidades como Tóquio, Nagoya e pelo sul do país asiático.

A expedição passa por lugares importantes para a formação religiosa da Monja Coen e tem como um dos focos principais apresentar o contraste entre hábitos tradicionais japoneses originários da cultura Zen e a crescente urbanidade do país.

“Caminho Zen” estreia dia 11 de março, às 23h no GNT.