Várias décadas atrás, um jovem Carl Sagan sonhava imaginar algo único para alguém tão jovem: um desenho cheio de sonhos de um menino sobre a era espacial e a exploração interestelar. Sagan, um visionário mundialmente famoso, viveu esses sonhos e os compartilhou com o mundo na série “Cosmos: Uma Viagem Pessoal”, dando origem à franquia científica mais apreciada da história da televisão.

Agora, 40 anos após sua estreia mundial, essa jornada épica atinge novos níveis de aventura com a tão esperada segunda temporada, “Cosmos: Mundo Possíveis” no National Geographic.

Baseado na idéia de Ann Druyan, que também é a criadora da série, produtora executiva, diretora e roteirista, esta temporada continua o legado que Druyan começou com Carl Sagan há várias décadas: uma jornada triunfante pelo passado, presente e futuro da humanidade que leva os espectadores a um território inexplorado e transforma temas complexos da ciência e da exploração em uma aventura alucinante que transcende o reino da imaginação.

“Cosmos: Mundo Possíveis” é liderado pelo astrofísico Neil deGrasse Tyson, que narra uma jornada maravilhosa acompanhada de visuais de ponta, animação estilizada e reconstruções dramáticas para levar os espectadores a diferentes épocas. Composto por treze episódios que ocorrem em 19 locações em 11 países, a série transportará o público através de uma jornada pela evolução da vida, o cosmos, átomos e até a análise do futuro que nos espera dentro 20 anos.

A 2ª temporada de “Cosmos: Mundo Possíveis” estreia dia 28 de março, às 22h30 no NatGeo.