A série documental “Em Busca de Kardec”, que estreia nesta quarta (1º) no Prime Box Brasil, traz o diretor Karim Akadiri Soumaïla como personagem-narrador. Tentando se comunicar com sua filha, morta em um acidente, ele vai à procura da história e da herança de Kardec na França e no Brasil.

Ressignificar o luto por uma perda repentina de um ser querido, buscando um caminho espiritual. É o que faz o cineasta francês, Karim Akadiri Soumaïla, para reencontrar a alma da filha, Ifa. Ele percorre uma viagem, o ilustre educador europeu, que resulta em inesperada pintura mediúnica de sua primogênita e na descoberta de escritos inéditos do conterrâneo. A experiência é documentada em “Em Busca de Kardec”, série investigativa na qual esse protagonista é também diretor, corroterista e narrador.

A história do personagem-narrador vai se entrecruzando com entrevistados, historiadores, sociólogos, antropólogos, adeptos, lideranças, médiuns… em Paris e no Brasil. O documentário retoma o contexto histórico e a ascensão das filosofias materialistas e niilistas no século XIX, por meio da análise de obras originais, inclusive a primeira edição do Livro dos Espíritos e de entrevistas com estudiosos.

Em território brasileiro, o viajante conhece o legado dos guardiões kardecistas, dentre eles o médium Chico Xavier. Constata divergências entre diferentes correntes no país e dialoga com estudiosos do sincretismo afro-brasileiro, do Candomblé e da Umbanda, para entender o enraizamento das filosofias pós-morte no Brasil.

Em oito episódios, “Em Busca de Kardec” estreia dia 1º de julho, às 20h30 no Prime Box Brasil.