Olá, internautas

No último domingo (05/07), a Band exibiu um programa especial em homenagem a Luciano do Valle, que completaria 73 anos no sábado (04/07). A atração, comandada por José Luiz Datena, contou com uma série de depoimentos de profissionais e ex-atletas que marcam o esporte brasileiro, como Galvão Bueno, Cleber Machado, Hortência Marcari, Magic Paula, Neto, Emerson Fittipaldi, entre outros.

Um dos depoimentos mais marcantes do especial surgiu com José Bonifácio de Oliveira Sobrinho. Boni revelou que preferia acompanhar as transmissões esportivas com a narração do Luciano do Valle, mesmo fora da TV Globo.

O especial teve o mérito de pincelar os principais momentos de sua trajetória na Band. A vitória fantástica de Emerson Fittipaldi nas 500 Milhas de Indianápolis pela Fórmula Indy ganhou mais emoção com a narração de Luciano.

Outro momento que merece ser mencionado ocorreu com a conquista do Mundial de Basquete Feminino por Hortencia, Paula, Janeth e companhia. É um dos mais importantes títulos do esporte brasileiro. Infelizmente, ficou ofuscado pela conquista do tetra da seleção masculina de futebol em 1994. A Band, aliás, transmitia as partidas do basquete feminino entre os clubes brasileiros, como o BCN. Hoje, a modalidade enfrenta uma decadência permanente.

O futebol feminino, sempre defendido pelo locutor, também apareceu na edição, assim como as lutas históricas de Maguila, a conquista do tetra e da Copa das Confederações de 2013 pela seleção brasileira de futebol masculino, NBA, entre outras modalidades. O programa “Apito Final” foi pincelado.

Em duas horas, a edição conseguiu reunir os momentos marcantes de sua trajetória que se confundem com o esporte brasileiro. Luciano do Valle sempre deve ser reverenciado. Após o especial, a Band exibiu o confronto histórico entre Corinthians e São Paulo pela grande final do Brasileirão de 1990 com a narração do próprio Luciano do Valle. A partida é uma das maiores audiências do então “canal do esporte” até hoje com 53 pontos no IBOPE. Domingo de nostalgia.

Fabio Maksymczuk