O Canal Brasil exibe, na segunda (05), o documentário “DNA Abdelmassih”, de Luiz Claudio Latgé. O filme parte do caso de Ingrid Monteiro Lobato para investigar um novo lado dos imensuráveis danos causados por Roger Abdelmassih.

Concebida a partir de um tratamento de reprodução assistida em uma clínica em São Paulo, Ingrid não tem o DNA de seu pai. Roger Abdelmassih, o médico que comandava a clínica, foi condenado e preso por crimes de assédio sexual e estupro de pacientes. Suas irregularidades, no entanto, não se limitaram aos crimes sexuais: clientes do médico relatam ter descoberto que Abdelmassih usou material genético de terceiros sem o seu consentimento, gerando crianças sem o DNA de seus pais. Uma dessas crianças foi Ingrid, cuja história – seu sofrimento pessoal, a destruição de sua família, a busca desesperada por suas origens – se entrelaça desde o princípio às investigações do caso Abdelmassih.

“DNA Abdelmassih” estreia dia 05 de outubro, às 19h40 no Canal Brasil.