A primeira noite de “Audições às cegas” contou com 11 apresentações musicais e dez candidatos aprovados para a nona temporada do “The Voice Brasil”. Além das vozes que tentaram vaga no programa, os técnicos Carlinhos Brown, IZA, Michel Teló e Lulu Santos também mataram as saudades de fazer show em uma animada apresentação em grupo da música “Palco”, de Gilberto Gil.

Confira, a seguir, os primeiros componentes de cada time.

Tibí
(28 anos, Petrópolis/RJ)

Aos quatro anos Tibí teve seu primeiro contato com a música, em uma aula de barbatuque na escola. O passo seguinte foi pedir aos pais para entrar em um coral. Aos oito, ganhou o primeiro teclado, instrumento que toca até hoje, e aos dez já tinha decidido que seria músico. Em 2014, participou do ‘SuperStar’ como integrante da banda Jamz, com a qual se apresentou em festivais como Rock in Rio e Planeta Atlântida e foi indicado ao Grammy Latino. Em apresentação solo no ‘The Voice’, cantando “Best Part”, de Daniel Caesar & H.E.R, virou as quatro cadeiras e escolheu representar o Time Brown.

Fabiana Souto
(43 anos, João Pessoa/PB)

Natural de Pernambuco e moradora da Paraíba, Fabiana cantou pela primeira vez em um evento na escola, ainda na adolescência, e, pelo bom desempenho, foi convidada a integrar sua primeira banda baile. Cantando a música “O Xote das Meninas”, de Luiz Gonzaga, ela foi aprovada por todos os técnicos e garantiu vaga no time de Michel Teló.

Nat
(19 anos, Duque de Caxias/RJ)

Desde criança Nat tem o sonho musical incentivado pelos pais, que a levavam para cantar em karaokês e na igreja, onde até hoje se apresenta junto ao ministério de louvor.  Nat escolheu para sua audição a música “The Climb”, de Miley Cyrus, e entrou para o Time Lulu.

Mayra Rodrigues
(18 anos, Divinópolis/MG)

A história musical de Mayra começou aos seis anos, cantando em um coral na igreja. Aos oito, aprendeu a tocar violão e, dois anos depois, começou a se apresentar em barzinhos e festivais musicais.  Para tentar vaga no ‘The Voice Brasil’, cantou “Viva Voz”, de Lauana Prado. Virou as cadeiras de Teló, que foi bloqueado, e IZA, e segue no time da cantora.

João Marcelo Prevedel
(22 anos, Campo Mourão/PR)

De família musical, João Marcelo aprendeu a tocar violão sozinho, com apenas dez anos, lendo livros. Aos 16, montou sua primeira banda com amigos, mas nunca chegou a se apresentar com ela.  A aprovação veio com a apresentação de “Watermelon Sugar”, de Harry Styles, que virou as cadeiras de Lulu, Teló e Brown. João optou pelo Time Lulu.

Izrra
(23 anos, Rio de Janeiro/RJ)

O carioca tem um irmão gêmeo, mas os dois têm gostos nada semelhantes: enquanto o irmão é jogador de futebol, Izrra tem na música o lugar que faz seus olhos brilharem. Com “A Boba Fui Eu”, de Ludmilla, foi aprovado por todos os técnicos e entrou para o Time Brown.

Luli
(23 anos, São Paulo/SP)

Luli começou a cantar aos cinco anos e, aos 12, iniciou aulas de canto e de teatro. Aos 16 anos, ingressou em sua primeira companhia artística e desde os 18 se apresenta em casamentos, festas e eventos, além de fazer backing vocal em um estúdio de gravação musical. Para tentar uma das vagas do programa, escolheu cantar “Cuz I Love You”, de Lizzo, em uma performance que virou as quatro cadeiras. Na decisão, Luli ficou com o Time IZA.

Thalita Maciente
(23 anos, Lavras/MG)

A mineira de 23 anos já estudou Administração, Medicina Veterinária e Publicidade, mas abandonou todos os cursos para se dedicar exclusivamente à música. O gosto pela música sertaneja se refletiu na escolha da música de sua audição: “S de Saudade”, da dupla Luiza e Maurílio. Com ela, foi aprovada por todos os técnicos e optou por representar o Time Teló.

Rick Santos
(31 anos, São Paulo/SP)

No hotel onde trabalhava como cozinheiro, Rick ficou conhecido como “o cantor”, chegando a ganhar alguns prêmios em pequenos concursos de talentos do local. O ritmo que canta em grupo foi o escolhido para sua apresentação musical solo no ‘The Voice Brasil’: com o pagode “Fulminante”, de Mumuzinho, Rick virou as quatro cadeiras e escolheu entrar no time de Lulu Santos.

Simone Mazzer
(52 anos, Rio de Janeiro/RJ)

Natural do Paraná e moradora do Rio de Janeiro, Simone tem uma carreira musical conhecida na cidade. Faz parte de um coletivo que se apresentava na casa de show Buraco da Lacraia e, com a pandemia, passou a fazer a live “Cabaré online” todas as sextas-feiras. Cantando “Vaca Profana”, de Caetano Veloso, Simone foi aprovada por Carlinhos Brown para o ‘The Voice Brasil’.