Em agosto, o +Globosat estreia a série israelense "Hatufim – Prisioneiros de Guerra", que deu origem à versão americana "Homeland". A série retrata a readaptação de soldados que voltam traumatizados para a casa após uma longa ausência. Os direitos da série foram adquiridos pela produtora Mixer e deverá ganhar uma versão brasileira em breve.

- Publicidade -

Há dezessete anos, três soldados israelenses foram feitos prisioneiros durante uma missão secreta para matar um membro da Jihad. Terroristas islâmicos, responsáveis por um atentado à bomba que matou dezenas de cidadãos, são entregues em troca dos dois soldados israelenses que sobreviveram, Nimrod e Uri bem como o corpo do terceiro.

A série mostra a difícil adaptação de Nimrod e Uri à rotina de suas famílias e do país. Em paralelo, eles enfrentam a desconfiança de um psicólogo militar encarregado de interrogar os dois soldados. Acreditando que eles escondem algum segredo, que pede ajuda à agente Iris para tentar descobrir a verdade. Assim, ela se envolve romanticamente com Uri, o mais frágil dos dois soldados.

"Hatufim – Prisioneiros de Guerra" estreia dia 12 de agosto, às 21h no +Globosat

- Publicidade -