O ator Charlie Sheen participou do programa "Today", da emissora americana NBC, na manhã desta terça-feira, dia 17 de novembro, e afirmou ao vivo ser portador do vírus HIV.

"Eu estou aqui para admitir que, de fato, sou HIV positivo", revelou o ator durante o programa. O ator contou que foi diagnosticado há cerca de 4 anos atrás quando foi vítima de uma série de dores de cabeça insuportável. Charlie afirmou que não sabe como contraiu o vírus e que após o diagnóstico não contaminou ninguém, pois teria usado preservativo e sido honesto sobre seu estado de saúde.

O ator revelou ainda ter sofrido extorsões, havendo pessoas que chegaram a cobrar "milhões" para não revelar sua condição de HIV positivo. Relatou que se viu obrigado a pagar dinheiro a diversas prostitutas para evitar confusões em sua vida pessoal.

A atração entrevistou o Dr. Robert Huizenga que afirmou que Charlie Sheen "não tem AIDS", já que o vírus está sob controle e não afetou o sistema imunológico do ator.