A impactante série documental As Filhas da Poligamia, exclusiva do canal A&E, revela o mundo da poligamia por meio de três irmãs que decidiram fugir de uma das maiores seitas de poligamia dos Estados Unidos, conhecida como Clã Kingston.

Ao longo da temporada, elas se propuseram a ajudar outros jovens, mulheres e meninos a se libertarem dos abusos desse estilo de vida em que também se propaga a doutrina do incesto e casamento entre parentes. Cada episódio retratou a ajuda das irmãs a amigos e estranhos, que estavam em várias etapas de abandono da poligamia: alguns somente reconheciam a necessidade de sair, outros buscavam ativamente uma fuga e outros lutavam para se adaptar às duras realidades do mundo fora da seita.

As três jovens irmãs, Jessica, Shanell e Andrea abandonaram valentemente o Clã Kingston, um dos grupos fundamentalistas mais fortes dentro do mundo da poligamia, localizado em Salt Lake City, Utah, e que soma mais de 200 meio-irmãos frutos desse tipo de relacionamento. O grupo, também conhecido como A Ordem, é atualmente liderado pelo próprio pai das irmãs, Daniel Kingston.

Na A Ordem, a doutrina do incesto é uma prática – os Kingston se casam com os Kingston – e as mulheres devem aceitar as relações polígamas. Aos 14 anos, as meninas têm idade suficiente para serem cortejadas, e o líder da seita oferece uma lista de possíveis maridos, a maioria deles com grande diferença de idade. Foi o caso de Jessica, que aos 14 anos foi escolhida por seu tio de 42 anos para tornar-se sua terceira esposa.

Esta série documental está marcada pelo impacto significativo que o trabalho das irmãs tem alcançado no sentido de desestabilizar a liderança da seita, incluindo o próprio pai, Daniel. Em cada história, os telespectadores viram que a fuga da poligamia é uma jornada contínua e traiçoeira.

No último episódio da temporada, O infiltrado, as irmãs recebem um aviso do “Infiltrado”: o FBI prepara uma operação para investigar os negócios da Ordem. Mas quando os líderes da seita começam a suspeitar, o informante pede ajuda para fugir. O final será exibido na terça, dia 8 de agosto, a partir das 20h.