Em 1961, a NASA enviou, com sucesso, seu primeiro astronauta para o espaço, restaurando assim a fé no programa espacial dos E.U.A. Agora, quase seis décadas depois, o espírito humano de exploração está tão vivo como nunca. “Projeto Mercury: Os Sete Escolhidos” volta ao começo de tudo, quando os astronautas, conhecidos como os Mercury 7, se tornaram heróis do dia pra noite durante o período com tanta coisa em jogo que foi o da corrida espacial.

- Publicidade -

Como peça de acompanhamento para a série do Disney+ e do National Geographic, “Projeto Mercury: Os Sete Escolhidos”, o novo documentário do vencedor dos prêmios Emmy e Peabody, Tom Jennings, é baseado no livro homônimo best-seller do autor Tom Wolfe. Jennings usa seu estilo de storytelling em primeira pessoa para criar um impactante produto sobre o Projeto Mercury, que revolucionou o papel dos Estados Unidos na exploração espacial.

Contado do ponto de vista de Wolfe e pela perspectiva dos astronautas Mercury, o especial de duas horas leva os espectadores de volta aos anos 1950 e conta a impressionante história que inspirou a futura geração de entusiastas do espaço. Livre de narrações e entrevistas modernas, o documentário intercala noticiários da época, gravações de áudio da missão da NASA nunca antes ouvidas e um material raro e nunca visto, para imergir os espectadores em um dos períodos mais dramáticos e tenazes da história norte-americana.

“Projeto Mercury: Os Sete Escolhidos” estreia dia 26 de março no Disney+.

- Publicidade -