maisglobosat Combinando o clima retrô de séries clássicas de investigação como “Arquivo Confidencial” e “Magnum” com as contemporâneas “Rescue Me” e “Californication”, as duas primeiras temporadas de "Os Detetives Doyle" ("Republic of Doyle") retornam para a TV brasileira em maratona do +Globosat a partir de quinta-feira, dia 4 de julho. A série canadense mostra a vida de uma peculiar família com problemas como tantas outras e que tentam fazer com que tudo corra bem enquanto cuida dos negócios, uma agência de detetives. Os episódios irão ao ar diariamente até o dia 29 de julho, sempre às 15h.

- Publicidade -


Protagonistas de "Republic of Doyle" no +Globosat
Divulgação/+Globosat

Jake Doyle (Allan Hawco) é um novo tipo de detetive que vive na cidade portuária de St. John, Newfoundland. Uma cidade que está mudando rapidamente de um pequeno porto para um grande centro petrolífero em franca expansão. Seu desafio é resolver os enigmas que atormentam os clientes da Doyle & Doyle Serviços de Detetive, agência que divide com seu pai, o ex-policial Malachy Doyle (Sean McGinley). Os dois têm diferenças filosóficas sobre a vida e sobre a resolução de crimes, mas mesmo com abordagens conflitantes, formam um par perfeito para resolver casos.

Malachy é o detalhista da dupla, resultado dos 30 anos de experiência como policial. Tem os pés no chão e uma boa relação com suas fontes de outros tempos. É confiável, respeitado e se comporta com dignidade e suavidade. Seu filho Jake, por outro lado, é temperamental e impulsivo. Embora seus métodos sejam suspeitos, comprova que os motivos para tais métodos nunca estão errados.

"Os Detetives Doyle"retornam para a TV brasileira em maratona do a partir de quinta-feira, dia 4 de julho, às 15h no +Globosat.

- Publicidade -