Após o sucesso da série "Spartacus: Blood and Sand", o canal de TV por assinatura Globosat HD traz com exclusividade ao Brasil duas séries policiais inéditas com estreia para os dias 9 e 11 de novembro. A primeira é a canadense Republic of Doyle, considerada uma junção das clássicas Arquivo Confidencial e Magnum. Escrita e estrelada por Allan Hawco, a série gira em torno da relação de Jake Doyle (Hawco) e seu pai Malachy (Sean McGinley), ex-policiais que decidem levar a vida como detetives particulares. São 13 episódios que serão exibidos toda terça-feira às 22h. Já Braquo, sucesso de público e crítica na França, conta a história de quatro policiais que precisam deixar a lei de lado após o suicídio de seu comandante, condenado injustamente em um caso. Com oito episódios, a série francesa será exibida toda quinta-feira, também as 22h.

Confira abaixo as sinopses:

REPUBLIC OF DOYLE

Republic of Doyle combina o clima retrô de séries clássicas de investigação como Arquivo Confidencial e Magnum com as contemporâneas Rescue Me e Californication, produzindo uma mistura intrigante de suspense com a envolvente relação do clã dos Doyle. A série de uma hora de duração mostra a vida desta família peculiar, com problemas como tantas outras e que tentam fazer com que tudo corra bem enquanto cuida dos negócios, uma agência de detetives.

Jake Doyle (Allan Hawco) é um novo tipo de detetive que vive na cidade portuária de St. John, Newfoundland, que está mudando rapidamente de um pequeno porto para um grande polo petrolífero em franca expansão. Seu desafio é resolver os enigmas que atormentam os clientes da Doyle & Doyle Serviços de Detetive, agência que divide com seu pai Malachy Doyle (Sean McGinley), um ex-policial. Os dois têm diferenças filosóficas sobre a vida e sobre como resolver um crime e, mesmo com abordagens conflitantes, formam um par perfeito para resolver casos.

Malachy tem uma visão detalhista, resultados dos quase 30 anos de experiência como policial. Tem os pés no chão e uma boa relação com suas fontes de outros tempos. É confiável, respeitado e se comporta com dignidade e suavidade. Seu filho Jake, por outro lado, é temperamental e impulsivo. Embora seus métodos sejam suspeitos, os motivos nunca estão errados.

BRAQUO

Policiais de patrulhamento lotados no distrito SDPJ 92, Caplan, Morlighem, Vachewski e Roxane intervêm em todo o departamento de Hauts-de-Seine, na França, tanto nos bairros chiques quanto em áreas onde impera a ilegalidade. Entretanto, suas vidas ganham um novo rumo quando Rossi, o comandante, comete suicídio devido a uma injusta condenação.

A partir daí, o quarteto se lançará em uma investigação paralela para lavar a honra de seu falecido chefe e confundir seus acusadores. Envolvidos em um jogo mortal, eles serão obrigados a “dar um golpe” para proteger suas famílias e a si mesmos.

Pressionados pela administração e perseguidos pela Corregedoria, eles deixarão de lado as regras e suas ilusões para adotar um modo de vida guiado pela adrenalina. Braquo segue de perto a trajetória destes homens comuns, agora com vida dupla, que vão progressivamente mergulhar na violência e na paranoia, ainda que no exercício de seu trabalho. Divididos entre o bem e o mal e assumindo riscos, eles têm como destino a prisão ou a morte.