VCFAZ.TV: No programa, o idioma oficial é o espanhol. Você já era fluente no idioma ou foi na base do jeitinho brasileiro para se enturmar com os outros participantes?

- Publicidade -

Igor Freitas: Eu não era muito fluente em espanhol, como vocês puderam ver, mas já tinha um contato mais próximo com o idioma pelo fato de ter tido um padrasto uruguaio. Apesar da gente não falar espanhol quando estávamos juntos, eu tive um contato desde criança com o idioma. Eu já sabia algumas palavras, vocabulários, mas nunca tinha sido obrigado a colocar em prática. Tem aquela diferença do espanhol dos mexicanos, entre eles já rola uma diferença, tem um sotaque, mas mesmo assim a gente vai se adaptando, entendendo o que a galera queria dizer e fui me adaptando com o decorrer da gravação e me sentindo cada vez mais à vontade.

VCFAZ.TV: Tem contato com algum participante do "Super Shore", após as gravações? E com os participantes da primeira edição de "Are You The One? Brasil", especialmente a Ana Clara, seu relacionamento na casa e com a Luiza, seu par ideal?

Igor Freitas: Contato a gente mantém. Se eu te falar que nos falamos muito, não é verdade, mas nós temos um grupo no WhatsApp da galera do ‘Super Shore’. A gente vive em diferentes países, aí já entra a questão do fuso horário. Cada um tem suas rotinas, seu trabalhos, mas a gente tem aquela consideração e se fala sempre que dá. Com a galera do ‘Are You The One? Brasil’ é mais fácil, já que a galera frequenta os mesmos lugares. O pessoal do Rio de Janeiro e de São Paulo sempre marca de sair, temos até um grupo no WhatsApp com a galera que participou da 1ª e da 2ª edição e sempre que dá o pessoal marca de se ver em alguma festa. Eu tive um caso com a Ana Clara depois do programa, que rolou uns seis meses, mais ou menos, mas depois foi cada um pro seu lado e aí já rolou o ‘Super Shore’ e acabamos nos afastando mais ainda. Mas vira e mexe a gente se encontra também. Com a Luiza já é menos, porque ela mora em Brasília, mas vira e mexe ela vem pro Rio e sempre que dá, a gente se vê.

VCFAZ.TV: Se acontecer uma segunda temporada do "Super Shore", toparia participar?

Igor Freitas: O ‘Super Shore’ foi uma experiência incrível, muito intensa, que exige muito do participante. São muitas atividades, muitas boates, chega uma hora que você já está estressado e ainda tem que continuar seguindo o programado. Mas o que me faria participar da 2ª temporada seria esse reencontro do pessoal e de toda aquela emoção que a gente deixou no final. Gostaria de ver como seria uma segunda temporada e sim, com certeza eu estaria lá!.

Saiba mais:
MTV exibe o último episódio de "Super Shore"

- Publicidade -