Após o incêndio que destruiu 90% do acervo do Museu Nacional Rio de Janeiro, a National Geographic estreia em todas as suas plataformas no Brasil nesta segunda (22), a produção original de um documentário para homenagear o quinto maior museu do mundo, intitulado “Explorer Investigation: O Incêndio no Museu Nacional”.

- Publicidade -

Com filmagens realizadas em diversas localidades do Brasil, como Rio de Janeiro (RJ), Paraty (RJ), Brasília (DF) e São Paulo (SP), o documentário de uma hora, explora a trajetória de 200 anos do museu, até o incêndio ocorrido no último dia 2 de setembro.

O documentário vai estrear em vários países para mostrar ao mundo a inestimável herança cultural do museu, bem como ilustrar a perda incalculável. O especial vai explorar e apresentar o enorme valor científico do museu e sua história como parte da identidade nacional do país, servindo como um espaço comum visitado por gerações de famílias brasileiras nos últimos dois séculos.

Dividido em três partes – "Patrimônio Histórico: Memória Coletiva", "Ciência e História: Motor de Conhecimento" e "Impacto da Tragédia: Apontamentos Futuros" – o documentário inclui uma entrevista exclusiva com Cristina Menegazzi, encarregada da UNESCO para a preservação do patrimônio histórico e cultural da Síria, e conversas com Alexander Kellner, Diretor do Museu e paleontólogo especialista no estudo dos pterossauros, Aparecida Villaça, doutora em antropologia social e professora do Museu Nacional e Príncipe D. João de Orleans e Bragança.

Em uma das primeiras cenas, o curador relembra visitas históricas: Albert Einstein, Marie Curie, Lévi-Strauss e Santos Dumont são apenas alguns desses nomes, atestando a importância global do Museu.

“Explorer Investigation: O Incêndio no Museu Nacional” estreia dia 22 de outubro, às 19h45 no NatGeo.

- Publicidade -