Nesta segunda, a Globo estreia "Liberdade, Liberdade", nova novela das onze. A trama volta ao Brasil do século XVIII, em Vila Rica no período da Inconfidência Mineira, de Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes. A história se desenvolve na época em que a família real portuguesa vem para a colônia, nas Américas.

A trama conta a história de Antônia (Leticia Sabatella) e Joaquina (Mel Maia/Andreia Horta), a filha de Tiradentes (Tiago Lacerda), uma menina nascida no Brasil, que fica órfã e é criada por um amável estranho, Raposo (Dalton Vigh), em Portugal. Ao ver a pequena testemunhar a morte do próprio pai, ele se compadece de seu sofrimento e assume sua criação. Juntos, embarcam para Portugal. Lá, a menina passa a se chamar Rosa, para despistar os que ainda perseguiam os inconfidentes e desprezavam seus descendentes. Em terras lusitanas, Raposo a cria como filha e ensina a Rosa tudo o que sabe. Ele vê a menina se tornar sua imagem e semelhança: forte, decidida, imponente. A mulher capaz de retornar ao país onde seus pais morreram para se tornar o símbolo da luta contra a coroa portuguesa.

O elenco ainda conta com nomes como Mateus Solano, Lília Cabral, Maitê Proença, Nathalia Dill, Bruno Ferrari, Regina Duarte, Lu Grimaldi, Zezé Polessa, Marco Ricca, Caio Blat, Sheron Menezes dentre outros. "Liberdade, Liberdade" é uma novela de Mario Teixeira baseada em argumento de Marcia Prates, livremente inspirada no livro ‘Joaquina, Filha do Tiradentes’, de Maria José de Queiroz. A estreia acontece no dia 11 de abril, após "Velho Chico" na Globo.