Na próxima segunda-feira, dia 5 de maio, a Rede Globo estréia a novela Ciranda de Pedra. A produção é livremente inspirada na obra original de Lygia Fagundes Telles. Personagens e enredos foram alterados para que a trama pudesse ir ao ar na faixa das 18h nas afiliadas que seguem a programação nacional, e na faixa das 19h na emissoras que retransmitem a Rede Fuso.

Essa ciranda, norteada por doçura e humor, conta duas histórias fundamentais, tendo como cenário a São Paulo de 1958: o triângulo amoroso entre Natércio (Daniel Dantas), Laura (Ana Paula Arósio) e Daniel (Marcello Antony) e o rito de passagem da adolescência para a vida adulta jovem Virgínia (Tammy Di Calafiori), filha de Daniel e criada como filha legítima de Natércio.

"A história é a mescla perfeita entre o movimento de uma ciranda e a imobilidade da pedra. As pessoas estão em constante movimento, procurando seus destinos, porém estão atadas às suas próprias histórias. Em Ciranda de Pedra, os personagens querem a liberdade, viver suas vidas, fantasias, amores e paixões, mas estão amarrados à tradição, aos seus passados", define Alcides Nogueira, autor da novela.