Fala, pessoal! Hoje faremos uma versão um pouco diferente das “Rapidinhas“. Testei o serviço de streaming Directv Go por alguns dias no início deste ano e vou compartilhar agora minhas impressões.

Do teste

Estive com o serviço aberto por 7 dias, período de degustação gratuita oferecida pela empresa. No período, foi contratado o pacote básico com os principais canais pagos da TV brasileira e o opcional HBO (ofertado como bônus).

Da assinatura

O processo de assinatura é simples e rápido. No entanto, não é possível fazer o processo direto da tela da TV ou de uma box compatível. Em nosso teste foi necessário utilizar um computador para finalizar o processo.

Equipamento

Para este teste usamos um televisão 4K de uma boa qualidade da Samsung, com 50 polegadas. Como o televisor ainda não tem o app da DIRECTV Go, conectamos uma Xiaomi Mibox S (também 4K), com Android TV na versão 9.

Ativação

Não é apenas para o cadastro que você precisa de um computador (ou celular) por perto. Para entrar no aplicativo disponível na Android TV, foi necessário acessar a página do serviço de streaming e ativar por lá utilizando um código que permanecia na tela.

Idioma

Durante todo o processo de cadastro e navegação, as opções eram dadas em português brasileiro. A situação mudou quando fomos realizar o pedido de cancelamento. Neste momento, o site passou a ser exibido em espanhol.

Navegação

A navegação no interior do aplicativo é simples. Os conteúdos não são separados por canais, mas por gêneros. Por exemplo, se quero ver apenas o conteúdo da HBO disponível na plataforma não será possível (a não ser que eu lembre de todos os títulos de memória). Desta forma, se eu quero assistir um programa que passa na MTV, por exemplo, e eu não sei o nome… não tenho como ir a pasta da MTV e ver as capas para tentar identificar a atração.

Legendas

Durante nossos testes não foi possível ativar ou desativar legendas eletrônicas. Era possível alterar o áudio do programa, mas as legendas ficavam fixas. Em alguns canais do grupo Discovery, o fato tornava o acesso problemático. Alguns programas eram exibidos apenas com áudio original (em inglês) e sem legendas. Caso o assinante não dominasse a língua estrangeira, estaria impedido de assistir. Ponto negativo para o serviço.

Canais

A mudança de canais é outro complicador no streaming e varia de acordo com o equipamento e o sistema operacionais. Na Android TV, há um ícone que abre um guia resumido na lateral que permite mudar “rapidamente” de canal, mas a imagem escolhida não é intuitiva e o usuário, com certeza, leva alguns dias até memorizar que aquele botão serve para mudar de canal.

Ao vivo

Outro ponto falho é a indicação de “ao vivo”. A expressão no serviço não indica que determinado programa/canal está realmente ao vivo, mas que ele está com transmissão linear sendo realizada. Desta forma, o assinante verá a informação em filmes, desenhos, infomerciais e etc. É um pouco genérico e o “ao vivo” deveria ser usado apenas quando o programa está sendo realmente gerado naquele momento, como nos casos de telejornais, eventos esportivos e etc.

Imagem

Durante os testes usamos uma conexão ADSL da Oi (acredite, ainda existe, fazer o que, não? Libera a fibra aí, Oi!) com velocidade de 15 mega (nos testes a velocidade média é de 14 mega). Os conteúdos eram exibidos rapidamente e apresentavam boa qualidade, alcançando resolução HD quase que instantaneamente.

Globo

Não tivemos como testar o sinal da Globo. A emissora está disponível para pouquíssimas regiões e é ativada pela localização. Então, não é possível mudar endereços para ter um sinal diferente.

HBO

O streaming tem apenas quatro canais da rede: HBO, HBO 2, HBO Plus e HBO Family. Algo importante: o streaming confirma o descaso da HBO com seus sinais para o Brasil. O canal principal tem uma imagem lavada, com baixíssima nitidez. Um assinante mais exigente tem dificuldade para assistir a HBO. Este mesmo tipo de imagem “lavada” eu já tinha visto na Claro TV (DTH) e nos momentos de sinal aberto da Oi TV (DTH). O problema não está nas operadoras, mas na fonte do sinal. Lamentável para um canal se vende como premium entregar uma imagem tão ruim assim.

Cancelar

Realizar o cancelamento parece um pouco confuso no início, você precisará novamente acessar pelo computador e deduzir onde clicar para chegar nas informações de pagamento (que estavam num misto de espanhol e inglês). Em nosso teste, solicitamos o cancelamento no segundo dia e como esperado, o sinal permanece aberto até o final do período de degustação.

Vale a pena?

Vale para quem quer investir pouco em TV, tem uma boa conexão de internet e equipamentos compatíveis. Para quem espera um sistema mais tradicional de TV, poderá ficar levemente decepcionado. Não há nenhum canal diferentão dos já conhecidos (o streaming da Guigo TV e o DTH da Blutv tem opções mais diferentes e canais ainda pouco conhecidos no país, mas com boa qualidade).

Promoção

Os primeiros assinantes ganharam direito a 5 anos dos canais HBO de graça. Neste caso, a assinatura se tornava um pouco mais vantajosa. Hoje, os novos assinantes tem direito a apenas 2 meses de assinatura.

Fechando

De todo modo, se torna um serviço interessante pelo preço cobrado. Há diversos pontos que podem ser melhorados, mas é excelente ver a marca voltar ao país depois de alguns anos.

Em breve comento sobre o Oi Play e NOW. (SKY Play e Vivo Play estão convidadas, mas precisariam liberar antes um acesso de degustação.. rsrs).

Por hoje é só! Retornamos na segunda!