tim No primeiro trimestre deste ano, a TIM atingiu a marca de 71,2 milhões de assinantes, confirmando a assertividade de suas ofertas. A liderança no segmento pré-pago também foi mantida no período com 60,3 milhões de usuários, registrando um aumento de 4,8% no comparativo com o mesmo período do ano anterior. A empresa investiu R$ 470 milhões no trimestre, sendo que 90% desse total foram destinados à modernização e à ampliação de sua infraestrutura de rede e TI. O montante faz parte dos R$ 10,7 bilhões planejados para o triênio 2013-2015.

- Publicidade -

Adotamos um programa baseado em alguns pilares fundamentais: infraestrutura e qualidade, ofertas e inovações, relacionamento externo e transparência, pessoas e valores. Esses eixos permitirão que a TIM continue a lançar planos exclusivos, como o Infinity e o Liberty, a priorizar o investimento em rede e cobertura, e a promover projetos como o Portas Abertas, um site desenvolvido para que a população possa acompanhar de forma clara os projetos concluídos e em andamento da empresa, além de ser um canal continuo de interação e solicitações. Essas diretrizes reforçam nosso orgulho de ser uma das 15 maiores companhias do Brasil”, comenta Rodrigo Abreu, presidente da TIM Brasil.

A receita bruta total atingiu R$ 7 bilhões, alta de 6,3% no comparativo com o mesmo período de 2012. A receita de VAS cresceu fortemente: R$ 1,2 bilhão, registrando um aumento de 25% no comparativo com o primeiro trimestre de 2012. Esta performance foi resultado da forte adesão as ofertas Infinity Torpedo, Infinity Web e Liberty Web. O crescimento do uso de dados no celular também foi motivado pelo aumento das vendas de webphones e smartphones, que alcançaram 46% de penetração na base total de clientes, um aumento de 15 pontos percentuais em relação ao mesmo período do ano anterior.

O EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 1,2 bilhão no período, representando uma alta de 3,9% no comparativo anual. Já o lucro líquido foi de R$ 306 milhões, um acréscimo de 13,9% em relação ao mesmo período de 2012.

Os resultados também mostram que os clientes da TIM aproveitam os preços acessíveis das ofertas da companhia para falar mais. O MOU (Minutos de Uso) alcançou a marca de 145 minutos no período, proporcionando um crescimento de 14,6% com relação ao mesmo período do ano anterior.

Investimentos em rede

A cobertura 3G da empresa alcançou 72% da população urbana nacional, totalizando 749 cidades no país. A tecnologia GSM está presente em 3.390 cidades, o que representa uma cobertura de aproximadamente 95% da população urbana brasileira.

Um destaque no período foi a continuidade do projeto Fiber to the Site (FTTS), que compreende as 14 principais cidades brasileiras e completou 84% da sua primeira fase. Recife será a primeira a ter todos os seus sites conectados com a rede de fibra óptica da TIM. Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo serão as próximas. Essa iniciativa, que conecta a rede de fibra óptica da empresa às antenas, permite maior velocidade do tráfego de dados e melhor qualidade do serviço de banda larga móvel.

Vale ressaltar ainda a conclusão de etapas importantes do projeto de construção da rede Macapá-Belém-Manaus, que somam um investimento de cerca de R$ 250 milhões. O consórcio LT Amazonas beneficiará toda a região Norte com infraestrutura de alta performance, aumentando em 100 vezes a capacidade de transmissão de voz e dados na região. A iniciativa substitui a infraestrutura de satélites pela utilização de torres de transmissão de energia, incrementando a confiabilidade dos serviços providos pela TIM. Já foram instalados mais de 1.414 Km de cabos de fibra óptica. A conclusão de todo o projeto está prevista para ocorrer em julho de 2013.

Chegada da tecnologia 4G

A TIM já completou a cobertura para a implantação do serviço de tecnologia 4G nas cidades que irão abrigar a Copa das Confederações, seguindo as especificações e o prazo (30/4) estipulado pela Anatel. O diferencial da operadora no processo de instalação da rede LTE foi o acordo de compartilhamento firmado com a Oi, que vai além do formato tradicional limitado às torres, já que inclui também o compartilhamento da rede de acesso de rádio.

Trata-se de uma evolução tecnológica, inédita no Brasil, e o maior projeto de RAN Sharing existente no mundo. Aprovada pelas autoridades, a iniciativa garante tanto a eficiência operacional como a independência das iniciativas comerciais, o atendimento aos clientes, a responsabilidade pela prestação dos serviços e a qualidade a seus respectivos usuários.

Os clientes pós-pagos da TIM poderão aproveitar a velocidade e qualidade da tecnologia 4G com seus atuais planos de acesso à internet, sem ter que pagar a mais por isso. Será necessária apenas a aquisição de um device compatível com a rede LTE brasileira e um chip 4G. Esse modelo comercial da operadora propicia para os usuários a vantagem de um melhor custo-benefício e a comodidade de não precisar contratar uma oferta nova para experimentar a rede de quarta geração.

O cliente terá opção de utilizar a rede 4G com os pacotes de serviços de dados pós-pago existentes, tanto para celulares como para computadores/laptops. No caso deste último, por exemplo, o consumidor pagará um valor mensal de R$ 89,90 ou R$ 129,90, valores referentes aos planos atuais – Liberty Web Modem (R$ 61) e Liberty Web Modem Plus (R$ 101) – mais a parcela do modem 4G em 12 vezes sem juros.

Live TIM

O produto de ultra banda larga fixa da companhia, Live TIM, conquistou 6,6 mil novos clientes, totalizando uma base de 16,3 mil usuários nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Duque de Caxias. O serviço foi implementado em mais de 5.200 edifícios e tem autorização para ser instalado em 8.800 prédios nestas cidades. O mercado coberto já ultrapassa 600 mil domicílios e a expectativa é atingir 1 milhão de residências até o final de 2013.

Os bons resultados da oferta estão baseados, principalmente, na qualidade do serviço, o que se reflete no nível de satisfação do cliente TIM bem acima da média de mercado. O site www.livetim.tim.com.br foi relançado e representou 15% das adesões de novos clientes no período. Nos municípios cobertos, a participação da Live TIM nas adições líquidas foi de 78% na categoria de ultra banda larga (ofertas com velocidades acima de 34 Mbps) e de 8% no total da internet fixa, segundo os dados da Anatel.

TIM Wi-Fi

Dois novos aeroportos ganharam cobertura Wi-Fi da TIM no primeiro trimestre: Jacarepaguá e Goiânia. Neste momento, 18 aeroportos no Brasil contam com a tecnologia. Oito novas localidades paulistas também foram contempladas com o projeto entre elas, os bairros Liberdade, Moema, Vila Madalena e Jardim Paulista.

A iniciativa de utilizar hotsposts para prover acesso a dados teve início em dezembro de 2011, em uma das principais comunidades do Rio de Janeiro, a Rocinha. Seis meses depois, a conexão wireless chegou ao Parque Madureira, na Zona Norte do Rio e, logo depois, na comunidade de Paraisópolis, na zona sul de São Paulo, além de áreas de grande concentração populacional e de tráfego 3G, como comunidades, universidades, shoppings, hotéis e vias públicas.

Transparência

Neste trimestre, a TIM lançou a versão oficial do site Portas Abertas (www.tim.com.br/portasabertas), que permite aos consumidores acompanhar a evolução da rede da empresa e as ações de melhoria realizadas. O site traz um inovador mapa de cobertura, que mostra um retrato verdadeiro da rede móvel além da infraestrutura atual e planejada, parte ativa do percurso de evolução da empresa. Há também ferramentas interativas, que possibilitam a colaboração dos clientes com a indicação de onde e como a TIM pode melhorar a rede e a qualidade do serviço, além de disponibilizar alertas de indisponibilidade do serviço no momento em que estão ocorrendo.

O site reforça os pilares de qualidade e transparência da companhia, trazendo uma significativa mudança no seu relacionamento com os consumidores. A TIM seguirá incluindo novidades no site Portas Abertas e lançará em breve novas formas e canais de interação com os clientes.

Temos enormes oportunidades e muito por fazer. Vamos continuar essa trajetória de sucesso, crescendo, e reforçando a marca TIM como uma empresa que preza pela qualidade, transparência e inovação. Os primeiros resultados do ano de 2013 apontam para essa direção, com indicadores satisfatórios no trimestre e um bom progresso de nosso plano estratégico. Tenho convicção que a empresa apresenta hoje todas as condições necessárias para seguir crescendo de maneira bem sucedida, continuando a disponibilizar ofertas inovadoras que levem nossos clientes a falar mais, navegar mais e ir mais longe”, finaliza o CEO, Rodrigo Abreu.

- Publicidade -