Toquinho é o homenageado do programa "Som Brasil" deste mês, que vai ao ar na sexta-feira, dia 27 de agosto, após o "Programa do Jô". A apresentadora Camila Pitanga lembra a história e os melhores momentos da carreira do cantor, compositor e violonista da música popular brasileira, que se apresenta com os sucessos “Aquarela”, “Tarde em Itapoã”, com participação do cantor Paulo Ricardo, e “Samba para Vinícius”, que entoa com Maria Creuza. Com Leo Gandelman, Toquinho canta “Samba de Orly”. O programa recebe ainda Glauco Lourenço, Ana Costa e Mallu Magalhães.

Antonio Pecci Filho nasceu em 1946, em São Paulo. Na infância, era chamado pela mãe de “meu toquinho de gente”, o que deu origem a seu nome artístico. Aos 14 anos, começou a ter aulas de violão e se apresentava em colégios e faculdades. Nos anos 1960, se profissionalizou. Com o amigo Chico Buarque compôs sua primeira canção a ser gravada, “Lua cheia”. Em 1968, conquistou seu primeiro grande sucesso, “Que maravilha”, em parceria com Jorge Benjor. Com o poeta Vinicius de Moraes estabeleceu uma parceria que resultou em 130 canções, 25 discos e mais de mil espetáculos.

No programa, Glauco Lourenço interpreta “Sei lá” e “O pato”; Ana Costa canta “Regra três” e “Escravo da alegria”; e Mallu Magalhães relembra “Onde anda você” e “Que maravilha”, dentre outras músicas que marcaram a carreira de Toquinho.