Você está lendo um tópico
Novo Tópico Responder Mensagem 

Televisão > Notícias   
Conheça a nova programação da TV Cultura
As mensagens são de responsabilidade de seus autores.
Este tópico possui Mensagens 1 respostas e Visualizações 2066 visitas.


Polus em 13/4/11, 15:29       Moderação
anos | Ago 2008 | Mensagens: 4616 | Americana - SP
  
 

A TV Cultura apresentou sua nova grade de programação. O anúncio foi feito na terça-feira em evento na capital paulista para jornalistas, profissionais do mercado e convidados.

Ao todo são 25 novas atrações, outras quatro redesenhadas e oito temporadas inéditas, prontas para entrar no ar a partir do dia 18 de abril. Quintal da Cultura, Festival Internacional de Cinema Infantil, 60 Encontros Mortais, Deu a Louca na História, Sangue Latino, Cultura Retrô, Somos1só e Esse tal de Rock’n roll estão no eclético painel de novidades que promete entreter e informar com inteligência e criatividade.

O time da casa também ganha reforço com as parcerias e contratações de Cao Hamburger, Carla Camurati, Marina Person, Carlos Alberto Torres, Sandra Peres e Paulo Tatit, da dupla musical Palavra Cantada.

A emissora pública paulista também terá nova identidade visual. Almap e Vetor Zero dão cores e movimento à logomarca; e João Marcello Bôscoli assina a trilha sonora das vinhetas. O trabalho foi desenvolvido com ícones gráficos e uso de cores vibrantes e contrastantes. Elementos que remetem a uma tevê moderna, qualificada e que, fundamentalmente, permitem uma associação fácil e imediata com seu nome.

Atrações infantis

Um dos destaques da nova programação é o Quintal da Cultura, que estreia dia 18 de abril. A atração, apresentada ao vivo, é constituída de pequenos esquetes de aproximadamente quatro minutos, que elencam os programas infantis, e entram no horário das 14h30 às 17h30.

Em divertidas histórias, os personagens do Quintal — Doroteia, Ludovico, Quelônio (um Jabuti) e o Minhoquias — estimulam as crianças a desenhar, pintar, correr, cantar, pular amarelinha ou elástico, jogar bola, enfim, fazer tudo aquilo que elas mais curtem.

O programa ainda traz o quadro Brincadeiras Musicais, em que Paulo Tatit e Sandra Peres, da dupla Palavra Cantada, trabalham ritmos e coreografias (junto com um grupo de jovens músicos e crianças), utilizando instrumentos, percussão corporal, voz e cantigas de roda. Cada esquete explora um conceito musical de fácil assimilação, que se traduz numa brincadeira para cantar e dançar.

E a garotada também pode preparar a pipoca e escolher o melhor lugar no sofá para entrar no mundo encantado dos filmes e desenhos animados do Festival Internacional de Cinema Infantil (FICI), que estreia dia 18 de abril.

Parceria da TV Cultura com a cineasta Carla Camurati e a produtora Carla Esmeralda, o novo programa leva para a telinha uma seleção diária super especial dos filmes mais aplaudidos do festival, de diferentes nacionalidades.

Inédita na tevê aberta brasileira, a faixa será apresentada de segunda a sexta-feira, às 12h e 18h15. O duplo horário de exibição se adequa ao período escolar da maioria das crianças, que estuda de manhã ou à tarde.

Mais de 50 títulos infantis estão programados, entre longas-metragens e animações, incluindo as produções: Ficção Científica (2002, Bélgica), A Profecia dos Sapos (2003, França), Circolina e a grande ratinha (2004, Dinamarca), Homem pelicano (2004, Finlândia), O ladrão Hotzenplotz (2005, Alemanha), Um presente para Winky (2005, Holanda), Jogada decisiva (2005, Bélgica), Dois mosquitos dançando no formigueiro (2007, Dinamarca), Um reizinho chamado Macius (2007, Alemanha) e Garoto cósmico (2007, Brasil).

Na estreia, os pequenos telespectadores assistem o filme Homem Pelicano (Pelikaanimes / Finlândia e Suécia / 2004 / 90 min), dirigido por Liisa Helminen.

Desenhos

Novos desenhos também vão turbinar a programação infantil a partir do dia 18 de abril. Timmy e seus amigos conta a história de um carneirinho esperto e curioso que frequenta uma creche muito especial. É lá que ele aprende a conviver com outros animais e a pensar sobre seus sentimentos. Exibição, de segunda a sexta, às 11h e 16h45.

Sid, o Cientista, animação produzida por The Jim Henson Company, os criadores de The Muppets e Vila Sésamo, relata em 3D as aventuras de um garoto de cinco anos, curioso e energético, que está sempre buscando o porquê das coisas. Com os amigos May, Gabriela e Gerald, a professora Susie e seus familiares – pai, mãe, avó e o irmãozinho Zeke – investiga e faz simples experimentos. O desenho utiliza música e humor para estimular o interesse dos pequenos pela Ciência, com ênfase no descobrimento, na atividade, na criatividade e na diversão. Exibição, de segunda a sexta, às 17h15.

As aventuras de Toot & Poodle narra as peripécias de dois divertidos, curiosos e inseparáveis amigos porquinhos. Toot é aventureiro, adora viajar e encontrar novos desafios, enquanto Poodle é um explorador, que prefere viver aventuras perto de sua casa. Cada episódio é uma oportunidade de expandir as referências de meninos e meninas, não só porque a atração introduz novos povos e lugares, mas também porque mostra outras formas de interagir e de solucionar problemas em grupo. A série aproveita a curiosidade da molecada para aguçar o espírito desbravador. Exibição, de segunda a sexta, às 16h15.

Duas produções da TV Rá Tim Bum, único canal infantil brasileiro da TV por assinatura, também entram na tela da TV Cultura a partir do dia 18. O Papel das Histórias traz as principais fábulas do poeta e fabulista francês La Fontaine. O infantil é apresentado por um personagem velhinho, um contador de histórias, que descreve pequenos contos de maneira bem despojada, no intuito de entreter e passar conhecimento às crianças. Com personagens feitos em papel cartão, o desenho utiliza técnicas de teatro, artes plásticas e televisão para narrar histórias. Exibição, de segunda a sexta, às 16h.

Traçando Arte busca apresentar ao público infantil um pouco da obra e da biografia de grandes pintores brasileiros. Para isso, o programa se vale de dois protagonistas: Trácio e Jean Pierre – traças de personalidades opostas que vivem em um museu. Cada programa contempla um artista diferente, mas com uma estrutura similar: Jean Pierre – uma traça culta e conhecedora de arte – percorre os corredores do museu ao lado de Trácio – uma traça glutona e artisticamente ignorante que tenta comer toda e qualquer tela que aparece pela frente. Para desviá-lo da idéia de devorar as obras, Jean Pierre conta a história do artista responsável e explica sua importância para a arte. A animação conta com a dublagem do chef francês Olivier Anquier (como Jean Pierre) e do ator Nestor Chiesse (como Trácio). Exibição de segunda a sexta, às 17h.


A partir do dia 23, sempre aos sábados, às 10h, a emissora leva ao ar o desenho Bob, o construtor. Enquanto criam soluções para fazer os trabalhos da melhor forma possível, Bob e sua equipe demonstram o poder do pensamento otimista para a solução de problemas, o trabalho em grupo e a liderança. Do começo ao fim, eles mostram que a diversão está mesmo em construir. A série conta com episódios de 30 minutos.

Os desenhos animados Tromba Trem e Carrapatos e Catapultas também estreiam dia 23, às 11h30, após serem selecionadas entre quase 300 produções brasileiras vindas de várias regiões do país e escolhidas num rol de 17 finalistas do projeto ANIMATV.

Tromba Trem acompanha a viagem de uma tamanduá hiperativa, um elefante indiano e uma colônia de cupins paranóicos rumo à América Latina, a bordo de um trem a vapor. A série segue um formato de road movie e aposta no potencial de situações divertidas e curiosas que podem acontecer quando três personagens totalmente diferentes precisam colaborar para resolver as questões que encontram pelo caminho. Dirigido pelo carioca Zé Brandão, conta com produção do Copa Estúdio.

Carrapatos e Catapultas, produzido pela Zoom Elefante e dirigido pelo paranaense Almir Correia, mostra carrapatos de outra galáxia que adoram se catapultar e sugar coisas até explodirem, para irem morar no “Mundo dos Carrapatos Fantasmas”.

O Cocoricó completa 15 anos. Para comemorar, a série infantil, uma das mais premiadas da tevê brasileira, terá 26 episódios inéditos com direito a clipes musicais. Júlio e sua turma adoram viver na fazenda Cocoricó de Cocoricolândia, mas decidem curtir um pouquinho mais os amigos e brincadeiras da cidade grande. E todas as aventuras do garoto com Alípio, Lilica, Zazá, João, Vitória e muitos outros personagens poderão ser acompanhadas na nova temporada da série Cocoricó na Cidade, que estreia em junho.

Séries juvenis

Pense numa aula de biologia itinerante que vasculha ecossistemas do mundo todo, com um aventureiro como professor e animais ameaçadores, alguns até exóticos, como objetos de estudo. Esta é a essência de 60 Encontros Mortais, série da BBC que a TV Cultura estreia dia 26 de abril, com exibição às 17h30, dentro da faixa infanto-juvenil Sessão da Hora.

Em 20 capítulos de 30 minutos, nesta primeira temporada, o apresentador e naturalista britânico Steve Backshall viaja para diversos países, do Alasca à África do Sul, passando por Índia, Bahamas, Reino Unido e Brasil, em busca das espécies mais ferozes do Planeta.

Um egípcio que tenta economizar dinheiro para a mumificação; um deus grego participante de talk show; um guerreiro viking que só consegue falar rimando; uma perseguição cuja vítima é William Shakespeare; um imperador com naipe de rapper. Bizarro? Incomum? Anárquico? Na verdade, é tudo isso e mais um pouco. Trata-se da série da BBC Deu a Louca na História, que estreia dia 25 de abril dentro da faixa Sessão da Hora, com exibição às segundas-feiras, às 17h30. Vão ao ar 26 episódios, divididos em duas temporadas.

O título já dá pistas do que vem por aí. Baseado na coleção editorial Horrible Histories, o especial dramatiza, com muito escracho, várias passagens históricas, da Grécia antiga à Segunda Guerra Mundial, passando pela Idade Média e pelo período das poderosas dinastias européias. E tudo formatado em esquetes, números musicais, animações e jogos de perguntas e respostas.

Ciência Travessa ganha segunda temporada. A estreia será dia 27 de abril. Tudo parece ter voltado ao normal na escola – nada de genialidades científicas de adolescentes, nenhum dinossauro agitado ou professores voadores. No entanto, Elizabeth não está satisfeita e, junto com Toby, encontra uma forma de recriarem suas aptidões. Eles assumem o controle da escola ao esvaziar a memória de todos e, assim, a disputa entre os gênios da Ciência está novamente aberta. De repente, as pessoas se tornam invisíveis, são enviadas para realidades virtuais ou viajam para o ano 350 mil A.C. Exibição às 17h30, na Sessão da Hora.

A turma está mais velha e experiente. Porém, coisas estranhas continuam acontecendo. Na segunda temporada de Arquivo Zack, que estreia no dia 29 de abril, às 17h30, na faixa Sessão da Hora, o garoto que dá nome à série vive aventuras misteriosas e paranormais.

Pouco a pouco, Zack e seus amigos Gwendolyn, Cameron e Spencer descobrem que o mundo em que vivem vai além do que os olhos conseguem enxergar. Curiosos e interessados em coisas insólitas, passam boa parte do tempo depois das aulas e nos finais de semana explorando universos alternativos.

Uma safra de 13 episódios inéditos da série Escola 2.0 está prestes a entrar na sala de aula. Ou melhor, na casa do telespectador. A partir do dia 21 de abril, às 17h30, os jovens estudantes Cadu (Glauko Dias), Mano (Fabio Baldacci) e Bia (Isabela Guasco) irão viver inúmeras situações na escola, com temas atuais e presentes na vida da maioria dos estudantes. E, claro, a internet aparece sempre como a ferramenta fundamental e constante em suas vidas.

Nesta fase, Escola 2.0 investe ainda mais em sua missão de sensibilizar alunos, pais e professores de que o aprendizado pode e deve ser divertido e desafiador ao mesmo tempo. O programa transita entre a realidade e a dramaturgia para reproduzir o ambiente escolar, além de transmitir com humor conteúdos educacionais de forma criativa e leve, sempre despertando a curiosidade e a investigação.

Jornalismo

O jornalismo da TV Cultura também ganha novas atrações. Entre elas, Sangue Latino, série de 18 entrevistas conduzidas pelo jornalista e escritor Eric Nepomuceno. A ideia é construir um prisma de pontos de vista a respeito do Brasil e de seus vizinhos latino-americanos. A direção é de Felipe Nepomuceno, filho do anfitrião, e a trilha sonora fica a cargo de Marcos Nimrichter.

Uma coprodução do Canal Brasil e Urca Filmes, chega à tela da TV Cultura dia 25 de abril. Irá ao ar sempre às segundas-feiras, às 20h45, com reapresentação aos domingos, às 21h30. No primeiro programa, logo de cara, Chico Buarque. Personagem fundamental na memorabilia da música brasileira, Chico, em 34 anos de carreira, gravou mais de 40 discos, publicou oito livros, escreveu quatro peças de teatro e participou de várias produções cinematográficas. No programa ele fala sobre o encontro de gerações, ditadura militar, socialismo e sua ligação com os países da América Latina, sobretudo Cuba.

Com o Cultura Retrô, o passado faz uma visita ao presente, desta vez com um novo olhar. Há vínculos com elementos da atualidade, os mais diversos. Factuais ou não. Para recontar os fatos sob essa nova ótica, o programa faz um passeio pelo arquivo da TV Cultura – o maior acervo de imagens do Brasil. Eventos significativos, cenas do cotidiano e outras são exploradas entre as mais de 110 mil horas de material gravado. A responsável pela “condução do tempo” em Cultura Retrô é a ex-VJ Marina Person. Estreia dia 28 de abril, às 20h45.


Renovado, o Radiola volta à grade da TV Cultura comandado pelo músico João Marcello Bôscoli. Eclética, a atração procura explorar a diversidade de estilos, mostrando tendências e nomes que "acontecem" no cenário artístico musical.

Em formato de revista eletrônica, o programa está vinculado à faixa Só a Cultura tem, no horário nobre das 20h45, e vai ao ar todas as sextas-feiras. Estreia dia 29 de abril.

Veterano, o Metrópolis tem experiência de sobra para reconhecer os diferentes momentos pelos quais passa a cultura do País e as expectativas de seu público. Assim, o programa se movimenta e garimpa o que de melhor acontece no dia-a-dia dentro do mundo da arte e cultura. A partir de agora ele esmiúça e explica este universo, de forma elegante, leve e com muito alto astral.

A mudança maior está na estrutura, que se aproxima de um talk show. A entrevista tem posição de destaque e ocupa a maior parte do programa. Profissionais e artistas importantes estão na lista de convidados – pessoas que têm conteúdo para contar e passar ao telespectador as múltiplas formas de expressão da arte e da cultura. Exibição de segunda a sexta, às 20h15.

Grandes Momentos do Esporte entra na nova grade da TV Cultura totalmente reformulado. A proposta de renovação do programa, que ao longo de mais de duas décadas se transformou em uma referência da memória esportiva nacional, tem como principal objetivo fazer uma ponte com os dias atuais.

Amparado no rico acervo de imagens da TV Cultura, a atração continuará resgatando os fatos mais importantes dessa trajetória, mas passará a trazer também informações das principais partidas da rodada de meio de semana. Para fazer essa tabelinha entre passado e presente foram escalados, como comentaristas, o experiente jornalista Michel Laurence e um dos principais nomes do futebol mundial, Carlos Alberto Torres, campeão do mundo com a seleção brasileira no México, em 1970. É apresentado pelo jornalista Vladir Lemos. Estreia dia 27 de abril, às 20h45.

Assim como acontece constantemente com a tecnologia e a comunicação, o Vitrine também se reinventa e estreia uma nova fase, a partir do dia 26 de abril, em novo dia e horário: terças-feiras às 20h45. As novidades incluem quadros inéditos, bem como vinheta e trilha e, muito importante, novo apresentador.

Sabrina Parlatore passa a dividir o comando da atração com Cunha Jr. A dupla, que gravará o programa de diferentes pontos de São Paulo, apresentará reportagens sobre os bastidores dos meios de comunicação, com destaque para as novas mídias, e entrevistas com personalidades ligadas ao segmento.

Telefilmes

Aprovado pela crítica cinematográfica e pelo público em sua primeira edição, o Telefilmes Cultura volta para a grade trazendo uma segunda leva de ficções produzidas para a tevê.

São quatro vídeos com duração de média-metragem – 52 minutos, todos ligados por um tema-cenário, a região da Luz, em São Paulo. Com linguagem e estética de cinema, flanam por diferentes gêneros, da comédia ao suspense. Judeus e coreanos, povos que fincaram suas raízes na zona do Bom Retiro e arredores, são personagens recorrentes das histórias. A estreia é dia 30 de abril, sábado, às 22h, dentro da faixa semanal Cine Brasil, com A Musa Impassível, romance adocicado de Marcela Lordy. Na sequência, Segundo movimento para piano e costura, de Marco Del Fiol; A Mudança, do diretor David Kullock; e Andaluz, de Guilherme Motta.

Somos1Só é outro projeto de filmes feitos especialmente para a tevê. A série, realizada pela TV Cultura em parceria com o SESCTV, costura gêneros e linguagens para emoldurar um panorama do assunto mais perene do planeta: sustentabilidade. Estreia dia 10 de maio, às 23h30, ocupando o espaço dedicado à produção nacional do programa Cultura Documentários.

A discussão se desenrola em oito episódios, cada um envolvido por um tema específico e dirigido por um cineasta diferente. Na relação, Evaldo Mocarzel, Lina Chamie, Lírio Ferreira, Toni Venturi, Gilberto Scarpa, Kiko Mollica, Dainara Toffoli e Kátia Klock.

Sessão Indepentende

A TV Cultura chancela de vez a parceria com o mercado independente. Resultado é a criação de uma faixa dedicada exclusivamente para este tipo de produção. Sessão Independente estreia dia 28 de abril, às 23h, e será exibida semanalmente, sempre às quintas-feiras.

E o primeiro pontapé é a versão documental do projeto literário mais ousado dos últimos tempos, que enviou 16 escritores brasileiros de estilos e origens diferentes para as principais cidades do mundo, do Cairo a Buenos Aires, de Paris a Havana, de São Paulo a São Petersburgo. Lugares, aliás, para onde a maioria nunca tinha viajado na vida e, pelo trabalho, teve que abraçá-las por um mês. A missão? Buscar, imersos nestes ambientes, influências e inspirações para criar histórias de amor.

Todos esses elementos emolduram Amores Expressos. Idealizado pelo produtor cultural Rodrigo Teixeira, a proposta, inédita no mundo, era inicialmente fazer tudo isso virar uma coleção de livros. E virou. Um terço dos romances já foi lançado pela Editora Companhia das Letras. O segundo passo era transformar essa matéria prima em produto audiovisual. Esse também já está resolvido.

O resultado são 16 documentários de 22 minutos sobre as cidades por onde os autores cavaram suas histórias, o processo de criação literária e o amor. Vale destacar que Amores Expressos não é um reality show, mas sim o mergulho de um escritor em busca de uma história.

Tadeu Jungle e Estela Renner, responsáveis pela direção, dividiram o roteiro de viagens para poder desdobrar este projeto de vanguarda: Tadeu foi a 10 dos destinos e Estela aos outros seis. No especial da TV Cultura, assinam juntos a apresentação.

Mais novidades

Clássicos traz muitas novidades para a edição de 2011. Além dos concertos tradicionais da Osesp (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo), da Sociedade de Cultura Artística e do Mozarteum Brasileiro, outras atrações compõem o repertório deste ano. Grandes concertos internacionais, óperas famosas e documentários são alguns dos destaques da nova fase do programa. Pela primeira vez, o telespectador terá a rara oportunidade de apreciar espetáculos de primeira grandeza, com artistas como Gustavo Dudamel, Claudio Abbado, Helène Grimaud, Anna Netrebko, entre outros.

A estreia, dia 7 de maio, às 16h, traz a Orquestra Sinfônica do Concertgebouw de Amsterdam, sob a batuta de seu regente titular Mariss Jansons apresentando Gustav Mahler com sua Sinfonia no. 2, conhecida como a da Ressureição.
As filarmônicas de Berlim, da BBC de Londres, de Varsóvia e de Rotterdam, a Orquestra de Câmara da Europa, as sinfônicas de Los Angeles e San Francisco também vão entreter o telespectador.

Programa de sucesso da TV Cultura entre 1969 e 1981, Inglês com Música foi revivido no ano passado e, agora, volta em novo formato, com estrutura de game show. A proposta é incentivar o aprendizado do idioma de forma leve e divertida, usando letras de músicas e jogos entre equipes.

A nova temporada estreia dia 25 de abril, às 18h, e traz a atriz e cantora Amanda Acosta e a professora Marisa Leite de Barros, apresentadora e criadora da versão original da atração. Amanda apresenta a música do dia, acompanhada de sua banda, formada por Serginho Carvalho (baixo), Adriano Trindade (baterista) e do Agenor de Lorenzi (teclados).


Responder com Citação   




Polus em 13/4/11, 15:29       Moderação
anos | Ago 2008 | Mensagens: 4616 | Americana - SP
  
 

Clique aqui para comentar esta matéria.

Responder com Citação   







Enviar Mensagens Novas: Proibído
Responder Tópicos Proibído
Editar Mensagens: Proibído
Excluir Mensagens: Proibído
Votar em Enquetes: Proibído




VCVIP
Usuário:  
Senha:  
Lembrar 
Cadastre-se!
Agora na TV revista eletronica
Efeito Carbonaro
22:14 - 22:36
Treme Treme
22:00 - 22:30
Geordie Shore
22:00 - 22:50
Hot Right Now!
21:00 - 23:00
Hot Right Now!
21:00 - 23:00

 
Sinal aberto
MTV
12/11 a 21/12
SKY Pré-pago
Dog TV
3/12 a 31/12
Vivo Fibra
BIS, Gloobinho, OFF, SporTV, SporTV 3, Studio Universal e Syfy
22/12 a 2/01
SKY Pré-pago
Aquecimento BBB 19
4/12 a 14/01
NET e Claro

RGS
E shop Satelite

SIGA-NOS

Facebook   Twitter   Youtube

VCFAZ.TV NO CELULAR

App Android   Telegram

FALE CONOSCO

E-mail    Fórum Ajuda

ACESSO RÁPIDO

Na Televisão: Últimas Notícias |  Sinal Aberto |  TV Ao vivo |  Guia de TV
Colunas: Estreias |  FabioTV |  VCfaz Mais
Fóruns de Debate: Equipamentos |  Esportes |  Feeds |  Filmes e Séries |  NET Claro |  Oi |  Papo Aberto |  Política |  Promoções |  Satélite |  SKY |  TV |  Vivo | 
Sobre o Vcfaz: Fale Conosco |  Parcerias |  Regras de Participação |  Ajuda | 

Powered by phpBB © phpBB Group