A Yahsat, operadora de satélites sediada nos Emirados Árabes Unidos, recebeu da Agência Nacional de Telecomunicações, ANATEL, a licença para operar seu próximo satélite de banda Ka, o Al Yah 3, no Brasil. A concessão ocorre após a Yahsat ter ganho o leilão realizado pela ANATEL em Maio de 2015, onde operadores de satélite puderam concorrer pelos direitos de operar um satélite, em posição orbital Brasileira, em todo o país. Ao vencer o leilão a Yahsat optou por usar a licença para o Al Yah 3, posicionado na órbita a 20° Oeste.

A cerimônia de entrega foi realizada na ANATEL, onde o Superintendente de Outorga e Recursos à Prestação (SOR) da ANATEL, Vitor Menezes, entregou a Amit Somani, Chief Strategy Officer da Yahsat, e Marcio Tiago, Country Director da Yahsat no Brasil, a concessão oficial.

O evento marca uma importante etapa na estratégia de expansão da Yahsat no Brasil e reforça o compromisso da empresa com o desenvolvimento da indústria de satélites e do mercado de banda larga nacional. A Yahsat considera o Brasil um de seus principais mercados globais e vem investindo significativamente no país, tendo inclusive seus gateways em território nacional. Na preparação para o lançamento dos serviços em 2017 e tendo seu escritório sediado no Rio de Janeiro, a Yahsat seguirá reforçando sua equipe brasileira e também terá acordos com diversos parceiros em todo o país para suportarem sua cadeia de valor.

O satélite Al Yah 3, em banda Ka, cobrirá mais de 95% da população brasileira em mais de 5.000 municípios oferecendo internet de banda larga de alta velocidade a custos acessíveis ao mercado nacional, bem como links de backhaul de alta capacidade que trarão significativa economia para operadores de telecomunicações e provedores de serviços.