O VCFAZ.NET traz para você em primeira mão, uma notícia que pode alterar mais uma vez o cenário dos canais de filmes premium no Brasil. A Rede Telecine, através do canal Megapix, passa a exibir filmes da Sony Pictures a partir de setembro.


"O Motoqueiro Fantasma" é destaque no Megapix
Divulgação/Sony

Estão programados dez filmes do estúdio para exibição no Megapix, a partir do dia 26 de setembro. São eles "Triplo X" (26/09, às 22h), "Resident Evil 3: A Extinção" (27/09, às 22h), "O Motoqueiro Fantasma" (28/09, às 22h), "Anaconda" (29/09, às 18h45), "Anaconda 2: A Caçada Pela Orquídea Sangrenta" (29/09, às 20h05), "Maldita Sorte" (29/09, às 22h), "As Panteras" (29/09, às 00h), "Homens De Preto" (30/09, às 16h), "Homens de Preto 2" (30/09, às 18h) e "Anjos Da Noite – A Evolução" (30/09, às 22h).

Possível acordo Rede Telecine e Sony

Durante os últimos dias, a redação do VCFAZ.NET entrou em contato com os envolvidos questionando um possível acordo entre a Sony e a Rede Telecine; que permitiria a rede ser a responsável pelos lançamentos dos filmes distribuídos pelo estúdio na TV paga brasileira; tanto na primeira, quanto na segunda janela. O acordo é possível já que a Sony deixou a sociedade dos canais HBO em 2010, junto com a Disney e estaria em término de contrato com a programadora HBO.

A Rede Telecine e a Sony não se pronunciaram. A HBO nega, "nós temos uma longa e estável relação com a Sony e temos exclusividade para lançamento dos filmes do estúdio no Brasil", declarou através da sua assessoria de imprensa. Outra possibilidade seria a compra de um pacote de filmes da Sony pela Rede Telecine. O fato é que os filmes do estúdio já começam a ser exibidos pelo Megapix em setembro.

Caso o acordo seja realmente efetuado, a Rede Telecine pode passar a ter em seu acervo até 90% dos grandes lançamentos do cinema. Em breve, a rede possivelmente lançará novos canais. A parceria ou acordo (caso realmente ocorra) deverá ser anunciado oficialmente em breve pelos envolvidos.

Fique ligado no VCFAZ.NET e saiba tudo sobre TV!

*Colaboração Pedro Figueredo, Roberto Scalon e Ricardo Marques