Os investimentos nas emissoras regionais do SBT não param. No ano passado foram mais de R$ 10 milhões em equipamentos, e para 2012 estima-se o total de R$12 milhões em melhorias tanto na área técnica como no departamento de jornalismo e na infraestrutura das emissoras, além de ações na área comercial e de marketing para fortalecer ainda mais a marca SBT em diversas regiões.

Neste ano, o SBT lançou uma extensão de sua logomarca nacional para as emissoras regionais localizadas em Belém, Brasília, Porto Alegre e Rio de Janeiro. Belém agora é SBT Pará, Brasília é SBT Brasília, a capital gaúcha, Porto Alegre, é SBT RS e o Rio de Janeiro é SBT Rio.

A emissora SBT Pará também já ganhou uma nova Torre de Transmissão e a construção da nova sede está em fase final, assim como a instalação de um novo gerador elétrico. O departamento de jornalismo de todas as emissoras (SBT Brasília, SBT Centro Oeste Paulista, SBT Nova Friburgo, SBT Pará, SBT Ribeirão Preto, SBT Ri e SBT RS) também já utilizam câmeras HD para externas, além das ilhas de edição não linear. A negociação para digitalização de toda rede está em processo de finalização.

No interior de São Paulo, o SBT ganhou mais presença com o aumento da área de cobertura das emissoras de Ribeirão Preto e Centro Oeste Paulista. E as UMJ´s – Unidade Móvel de Jornalismo das emissoras de Brasília e Rio de Janeiro também foram digitalizadas.