Em agosto, o TCM presta homenagem ao ator norte-americano Henry Fonda (1905-1982), cujos 30 anos de morte são relembrados neste ano. Indicado ao Oscar® duas vezes, o intérprete atuou no teatro, na TV e no cinema e recebeu a estatueta de melhor ator pelo filme NUM LAGO DOURADO (On Golden Pond, 1981, classificação indicativa 14 anos). Suas atuações inesquecíveis, com destaque aos heróis e foras da lei que se revoltavam contra a opressão e discriminação, serão exibidas no sábado, 11 de agosto, a partir das 14h.

O especial começa com CONSCIÊNCIAS MORTAS, western que narra a história de três homens acusados de roubar gado e que estão prestes a ser punidos por uma trupe preconceituosa. Às 15h20, é a vez de VINHAS DA IRA, pelo qual o ator foi indicado ao Oscar®. Dirigido por John Ford, o drama é um retrato da depressão dos anos 1930 nos Estados Unidos. Depois de cumprir pena em uma prisão, Tom Joad (Henry Fonda) volta para casa em Oklahoma para reencontrar sua família. Quando chega, sua felicidade desaparece frente à extrema pobreza que encontra. A família então parte para a Califórnia, a terra prometida, em busca de um futuro melhor. A programação continua com ERA UMA VEZ NO OESTE, transmitido às 17h35, em que o ator interpreta um assassino sem piedade. Para encerrar a homenagem, às 20h25, irá ao ar DOZE HOMENS E UMA SENTENÇA, dirigido por Sidney Lumet, que apresenta o caso de um jovem hispânico acusado de matar o próprio pai.