Com pouco dinheiro e muita criatividade, os surfistas e designers Zé Tepedino e Bernardo Sodré exploram a costa do Uruguai de uma maneira inusitada: levando sua própria produção de pranchas e skates sustentáveis para vender ao longo do caminho. Com o dinheiro arrecadado eles tentam seguir viagem até o próximo pico. Entre uma venda e outra, a dupla surfa, anda de skate, conhece pessoas de todos os tipos e enfrenta as adversidades que vão surgindo. “Custo Zero”, estreia dia 24 de janeiro, quinta, às 21h30, no Canal OFF. A produtora é a Soul Filmes.


Zé Tepedino e Bernardo Sodré / Divulgação Canal OFF

“Nossa ideia quando chegar a Montevidéu é colocar todas as pranchas no carrinho de bambu e ir andando até o Chuí… o que vai acontecer no meio do caminho eu não faço ideia”, declara Zé.

“A minha expectativa é de pegar altas ondas e conhecer gente interessante no Uruguai, então nada melhor do que estar andando a pé na rua, carregando nossos equipamentos”, declara Bernardo.

No primeiro episódio, Bernardo Sodré e Zé Tepedino apresentam a proposta da viagem ao Uruguai. Surfando e andando de skate pela cidade do Rio de Janeiro, trabalhando ou na faculdade, a dupla já começa a saga de vender seus equipamentos para levantar dinheiro. Em paralelo, eles seguem desenvolvendo um carrinho de bambu na oficina do Bernardo para carregar seus equipamentos durante a viagem. Participação dos surfistas profissionais Marcos Sifú e André Pastori.

Bernardo Sodré, 30 anos, cresceu junto à orla da Zona Sul do Rio de Janeiro. Filho de surfista, aprendeu cedo a se virar na praia e criou seu próprio estilo no surfe e no skate. Formado em Design de Produto pela PUC-RJ, durante o curso começou a produzir suas pranchas e shapes de skate. Especializou-se em desenvolvimento sustentável e desenvolvimento de produtos com bambu no CBRC International Training Course on Bamboo Technology, na China. De volta ao Brasil, Bernardo aperfeiçoou sua própria técnica de beneficiamento de bambu local e foi pioneiro na produção de skates de bambu orgânico no país. Também produz pranchas de surfe com concepções clássicas, perfeitas para linha de surfe que busca.

José Eduardo Tepedino, 22 anos, cresceu na Barra da Tijuca-RJ e logo cedo, aos oito anos, influenciado pelo seu irmão mais velho, começou a surfar. Aos 12 passou a se envolver em competições e surfar passou a ser muito mais que apenas um hobby, levando-o a conhecer lugares como Panamá, Costa Rica, Peru e Havaí. Aos 17, quando terminou o colégio, mudou-se para a Califórnia e descobriu a paixão pela arte, design, fotografia e skate. Dono de um surfe moderno, influenciado pelas tendências californianas, Zé passou a ter uma nova visão sobre o surfe, largou as competições e passou a explorar o surfe experimental, testando novos equipamentos e maneiras de deslizar sobre as ondas. Atualmente cursa o 4º período de Comunicação Visual na PUC-RJ e divide seu tempo entre a arte, viagens e o surfe.

Confira o teaser do primeiro episódio: