Escrita por Dias Gomes e dirigida por Roberto Farias, a minissérie "As Noivas de Copacabana" está de volta no canal Viva a partir do dia 21 de março, às 23h15. Produzida pela Rede Globo em 16 capítulos, foi exibida pela primeira vez de 2 a 26 de junho de 1992. O elenco contou com nomes como Miguel Falabella, Reginaldo Faria, Patrícia Pillar, Christiane Torloni, Raul Cortez, Hugo Carvana, Tássia Camargo, Ana Beatriz Nogueira, Zezé Polessa Daniel Dantas dentre outros.

Ambientada no Rio de Janeiro, a minissérie tinha como protagonista um serial killer, Donato Menezes (Miguel Falabella), obcecado por mulheres vestidas de noiva. Morador do bairro de Copacabana, na Zona Sul da cidade, Donato leva uma vida acima de qualquer suspeita. É um conceituado restaurador de obras de arte e noivo da bela Cinara (Patrícia Pillar). Os dois só não se relacionam sexualmente. – Donato mata suas vítimas seguindo um meticuloso ritual. Seduz as mulheres e as estrangula em pleno ato sexual, sempre quando elas estão vestidas de noiva. Só dessa forma ele consegue atingir o orgasmo. As vítimas de Donato são mulheres das mais diversas classes sociais. Marilene (Tássia Camargo) é uma professora suburbana, Kátia de Sá Montese (Christiane Torloni) é uma socialite de Copacabana e Fátima (Ana Beatriz Nogueira) é filha de um pastor protestante. Em comum, elas têm vestidos de noiva.


Patrícia Pillar e Miguel Falabella em "As Noivas de Copacabana"
Divulgação/Rede Globo

A história começa com Donato e Maryrose (Patrícia Naves) passeando em uma praia deserta, à noite. O clima romântico prossegue até o momento em que a mulher coloca o vestido de noiva e, em meio ao ato de amor, é estrangulada brutalmente. O envolvimento de Donato com as vítimas começa a partir de anúncios de vestidos de noivas colocados, por elas, em jornais. Após entrar em contato e chegar até as anunciantes, ele cria um ambiente romântico, adequado ao crime, e as envolve em seu jogo de sedução. A semelhança entre os vários crimes intriga a polícia. Todos só podem vir de uma mesma mente doentia. O detetive França (Reginaldo Faria), encarregado de desvendar o caso das noivas assassinadas, segue, então, pistas que possam levar a um serial killer.

Apesar de seu lado sombrio e obsessivo, Donato vive com sua tia Eulália (Yara Lins), com quem tem uma relação doce e carinhosa. Seu amigo Paulão (Ricardo Petraglia) e sua noiva Cinara – com quem tem relações de camaradagem e afeto – nem sequer imaginam que o rapaz seja um criminoso.

"As Noivas de Copacabana" reestreia no canal Viva a partir do dia 21 de março, às 23h15.