O “Viva Voz” fecha sua temporada de verão com chave de ouro nesta quarta-feira. Sarah Oliveira conversa com Erasmo Carlos sobre a influência de suas músicas sob o público. O cantor, que é considerado o pai do rock’n roll brasileiro, também fala sobre inspirações, fama e conta histórias de suas composições.


Divulgação GNT

O “Tremendão”, como é conhecido, revela que era muito namorador e que preferia quantidade à qualidade. "Eu sempre fui cheio de mulher, sinceramente, eu sempre namorei muito. Eu era aquele cara que nenhuma mãe queria para ser marido ou noivo da filha. O Roberto Carlos, por exemplo, era o cara que toda mãe imaginava e sonhava que a filha casasse", revela. Sobre a canção "Pega na Mentira", Erasmo conta que "é uma música muito solicitada nas campanhas políticas, porque o candidato tal quer sacanaear o outro candidato".

O último episódio da temporada também conta com a participação da cantora Barbára Eugênia, que fala sobre sua relação de afetividade com a música "Vou ficar nú para chamar sua atenção". O “Viva Voz” com Erasmo Carlos vai ao ar hoje, dia 6, às 22h30, no GNT. Confira mais informações sobre o programa no site do canal (gnt.com.br/vivavoz).