gazeta
Nesta terça-feira (17/06), às 23h30 na TV Gazeta, o programa ‘A Máquina’ captura Benedita da Silva.

[creditos:eb223e388c]
Divulgação / TV Gazeta[/creditos:eb223e388c]

Deputada federal pelo Rio de Janeiro, Benedita foi a primeira mulher negra a ocupar uma cadeira na Câmara de Vereadores da cidade do Rio de janeiro e é autora de 84 projetos de leis de grande importância para a população, como a PEC das Domésticas.

Entrevistada por Fabricío Carpinejar, a deputada diz ter muito orgulho do PT, e acha que os últimos escândalos que envolveram o partido são frutos de “muita perseguição política”.

Embora condenados, a deputada não acredita que os petistas envolvidos no ‘Mensalão’ sejam culpados “Eu não posso acreditar que eles tenham feito essas coisas todas que estão dizendo por aí, porque o outro lado não consegue provar”.

A deputada ainda justifica sua opinião com base na sua experiência de vida “Eu tive um próprio irmão que cumpriu uma pena enorme, no entanto não era ele (o culpado)”.

Questionada pela máquina sobre popularidade, Benedita diz que a sua veio da favela “Acho que a popularidade veio mesmo do fato de eu ter nascido na favela, porque na favela você tem um ambiente que é muito familiar”.