- Publicidade -

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) licitou hoje, por R$ 145,2 milhões, o primeiro direito de exploração de satélites da licitação que tem como objetivo ampliar a capacidade das telecomunicações brasileiras nos próximos cinco anos. A melhor proposta foi apresentada pela empresa HNS Americas Comunicações Ltda. O ágio foi de 3.579,82%.

- Publicidade -

A licitação n.º 002/2011/PVSS/SPV-ANATEL tem como finalidade aumentar a capacidade satelital brasileira para atender as atuais demandas no setor e aquelas antecipadas em função de grandes eventos, tais como a Copa do Mundo e as Olimpíadas, entre outros projetos. Até quatro novos satélites brasileiros poderão entrar em operação, ocupando posições orbitais em coordenação ou notificação em nome do Brasil ante a União Internacional de Telecomunicações (UIT).

Os satélites deverão cobrir 100% do território nacional e dedicar parte da capacidade para atender o mercado brasileiro. Os direitos de exploração serão conferidos por 15 anos, prorrogáveis uma única vez.

Participaram do processo de licitação empresas como SKY, Intelsat, Star One e Hispamar.

- Publicidade -