A rede portuguesa TVI segue exibindo sua matéria especial que investiga uma suposta rede de adoções ilegais que envolve a Igreja Universal do Reino de Deus, do mesmo dono da Record TV.

- Publicidade -

Com ritmo arrastado, a série de reportagens está dividida em dez episódios de pouco mais de 20 minutos. Após a exibição, a rede exibe um debate especial para repercutir o material divulgado. O vídeo ao vivo costuma ser exibido via redes sociais e marca sempre a página da IURD.

No terceiro episódio a emissora revela que a filha de Edir Macedo não pode adotar em Portugal e é a secretária pessoal do bispo que avança para uma guarda e leva os três irmãos para fora do país. Confira abaixo:

O quarto episódio, exibido nesta quinta-feira, mostra que o lar que funcionava ilegalmente em Camarate servia para os bispos e pastores da IURD escolherem as crianças que queriam adotar. No caso de Vera, Luís e Fábio, revelamos várias provas da ilegalidade da adoção. A babysitter revela que as crianças eram vítimas de maus-tratos. Anos depois, Viviane e Júlio querem devolvê-las ao lar e é Alice que acaba por ficar com elas. Assista:

- Publicidade -