“Wynonna Earp”, uma das séries com maior fandom nas redes sociais, ganha nova casa no Brasil a partir do próximo ano. Após uma campanha na internet de fãs revoltados com a Netflix, o Globoplay confirmou em suas redes sociais que adquiriu os direitos das quatro temporadas da série e promete lançá-la em 2021 (provavelmente assim que vencer os direitos com a Netflix). A plataforma americana disponibilizou no Brasil somente as duas primeiras temporadas da série, deixando de exibir as duas mais recentes.

- Publicidade -

“Wynonna Earp” é baseada nos quadrinhos de mesmo nome de Beau Smith e tem Melanie Scrofano como a protagonista Wynonna. Descendente do lendário advogado Wyatta Earp, Wynonna herda sua arma mística, Peacemaker. Depois de anos de fuga e em detenção juvenil, ela está finalmente voltando para casa. Wynonna e seus aliados improváveis se tornam a única esperança da cidade de erradicar demônios misteriosos e outras ocorrências paranormais que ocorrem ao longo da trama.

A série tem até o momento quatro temporadas produzidas, três entre 2016 e 2018, após um hiato a série retornou em 2020 para uma quarta temporada. A temporada recente foi um verdadeiro sucesso no canal SyFy, superando todas as anteriores. O sucesso da série se deve à protagonista que tem fortes características de empoderamento feminino e orgulho LGBTQI+.

Impulsionado pela participação do elenco na Comic-Con virtual deste ano, o episódio de estreia da quarta temporada reuniu 656 mil espectadores na soma de seus primeiros três dias de exibição, um aumento de 11% em relação à estreia da terceira temporada, de acordo com auditoria da Nielsen. Este número cresce para 1,2 milhão de visualizações quando acrescenta o público de streaming, segundo o Syfy.

“Wynonna Earp” tem estreia prevista para 2021 no Globoplay.

- Publicidade -