Faz 15 anos que o "Sai de Baixo" saiu do ar, mas essas lembranças permanecem vivas na memória de todos os que se divertiram com elas nas noites de domingo. Sucesso de crítica e de público, a atração teve sete temporadas e ficou no ar de 1996 a 2002. Mas a saudade já tem data para acabar: a partir do dia 06 de maio, a Globo traz de volta os melhores momentos do programa, nas tardes de sábado, na "Sessão Comédia".

- Publicidade -

O primeiro episódio mostra a chegada de Cassandra (Aracy Balabanian), Magda (Marisa Orth) e Caco Antibes (Miguel Falabella) ao apartamento de Vavá (Luis Gustavo), depois de Caco perder tudo. Para tentar se livrar da irmã, da sobrinha e do marido dela, Vavá inventa que está noivo e que não há espaço na casa para abrigar toda a família. O porteiro Ribamar (Tom Cavalcante) e a empregada Edileuza (Claudia Jimenez) tentam ajudar Vavá, sem sucesso, a se livrar dos três. Este foi também o primeiro episódio da série, exibido no dia 31 de março de 1996. E estará disponível aos assinantes do Globo Play no dia 29 de abril, uma semana antes da estreia na TV.

‘Sai de Baixo’ conquistou o público, sobretudo, pelo humor com que abordava situações cotidianas recheadas de improviso e espontaneidade. Os bordões criados por Caco Antibes, como o “cala a boca, Magda” e o “canguru perneta”, e os ditados recitados por Magda, sempre errados, fizeram sucesso rapidamente. Foi o primeiro programa de televisão gravado ao vivo em um teatro. No palco, um único cenário: a sala do apartamento de Vavá, no Largo do Arouche. As gargalhadas do público, os erros e improvisos dos atores, tudo servia como material para a edição final do programa. Ao longo dos sete anos em que ficou no ar, mais de 500 mil pessoas passaram pela plateia do teatro.

O ‘Sai de Baixo’ volta ao ar a partir do dia 06 de maio nas tardes de sábado, na ‘Sessão Comédia’, que é exibida logo depois do ‘Jornal Hoje’.

- Publicidade -