[creditos:e5c3cfd505]
Elenco de "Conviction" (Divulgação/ABC)[/creditos:e5c3cfd505]
Em janeiro, chega ao Brasil através do FOX Life a série jurídica e processual, “Conviction”. Hayley Atwell interpreta Carter Morrison, uma advogada e filha de um ex-presidente, que se torna uma heroína, ainda que bastante controversa. Prestes a ser presa por posse de drogas ela recebe uma proposta de trabalho de um dos seus adversários, o advogado do distrito de Nova Iorque, Conner Wallace (Eddie Cahill). Com o objetivo de evitar prejudicar a campanha a senadora de sua mãe, aceita contra sua vontade a oferta.

- Publicidade -

Ao aceitar o novo trabalho, Hayes fica a cargo da equipe de Wallace na CIU (Conviction Integrity Unit), local que coloca sua habilidade para investigar casos em que se suspeita que os condenados foram erroneamente acusados. Simultaneamente, isso lhe dá a chance de acertar as coisas com sua família, já que detém um grande poder a nível político.

Os membros da equipe são diversos e complicados, e como qualquer “família” sua dinâmica explosiva fica exposta – o bom, o mau e o feio. Sam Spencer (Shawn Ashmore) deve aprender a lidar com a autoridade, já que o posto que agora Hayes ocupa na CIU, lhe foi prometido. Maxine (Merrin Dungey), detetive de homicídios de Nova York, é mãe solteira, e certos segredos de seu passado podem interferir em seu critério profissional. Tess (Emily Kinney), assistente judicial, é perseguida por um erro pessoal que poderia ter enviado uma pessoa inocente à prisão, enquanto a vida pessoal de Frankie (Manny Montana), especialista forense, põe à prova suas crenças e seu trabalho na CIU.

Hayes e Wallace compartilham um passado e dada a natureza competitiva de ambos, chocam-se tanto no pessoal como no profissional. Fora do trabalho, Hayes possui um verdadeiro confidente: seu irmão Jackson (Daniel Franzese). Ele vê Hayes como uma mulher emocional e vulnerável, que ninguém mais vê.

Os 13 episódios de uma hora de “Conviction” estreiam dia 19 de janeiro no FOX Life, às 22h.

- Publicidade -